Contra Suplicy, PSDB anuncia Serra candidato ao Senado em São Paulo

serra

O ex-governador de São Paulo, José Serra | FOTO: Vanessa Carvalho/News Free |

No prazo final para fechar a chapa que concorrerá às eleições de outubro, o PSDB de São Paulo anunciou que lançará José Serra para a vaga de Senador pelo Estado, na tentativa de desbancar Eduardo Suplicy (PT), que tenta a quarta reeleição. O nome de Serra foi anunciado no final da noite desta segunda-feira (30), depois de exaustiva reunião da Executiva Estadual tucana no Estado de São Paulo. Serra já foi candidato à Presidência da República duas vezes, além de ter disputado a vaga de prefeito de São Paulo na eleição de 2012, perdendo para Fernando Haddad do PT.

O tucano já foi governador de São Paulo e prefeito da capital paulista, deixando o cargo nas mãos do vice da época, Gilberto Kassab (PSD), para disputar o governo paulista em 2006.
A notícia pegou o mundo político de calças curtos, já que era consenso entre os tucanos que José Serra disputaria uma vaga de deputado federal, na tentativa de ampliar a bancada do PSDB na Câmara dos Deputados. Na convenção que lançou Alckmin governador no último domingo, Serra não confirmou o cargo que concorreria. Mas a Executiva do PSDB dizia que a vaga de senador aguardava indicação do PTB para ser formalizada.

Apesar da pretensão do partido em lançar Serra deputado, o tucano não escondeu a vontade de concorrer ao Senado, especialmente depois que a pesquisa Datafolha do início de junho mostrou ele à frente de Suplicy no Estado, com 41% das intenções de voto para senador. Eleito em 1990, 1998 e 2006 como senador, Eduardo Suplicy apareceu na mesma pesquisa com 32% das intenções de voto em São Paulo. O PTB não anunciou se manterá a candidatura própria, mas José Serra recebeu apoio dos demais partidos da coligação de Geraldo Alckmin para pleitear a vaga de senador.

Com a novidade, Serra deve dividir palanque com o PSB de Eduardo Campos, que resolveu indicar o vice de Alckmin na coligação, em troca de apoio dos tucanos para a candidatura nacional socialista. O primeiro suplente de Serra será o deputado federal José Anibal, réu no inquérito do Supremo Tribunal Federal (STF) que investiga fraudes nas licitações dos trens da CPTM e do Metrô no Estado de São Paulo. Do Portal Terra.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.