CidadesCuriosidadesEconomiaMenu Principal

Chapada: Moradores de Andaraí reclamam de interrupções no fornecimento de água

andaraí
Segundo informações, o sistema de abastecimento de água é precário e não atende à demanda da cidade | FOTO: Reprodução/Youtube |

Os moradores do município de Andaraí, na Chapada Diamantina, reclamam das constantes faltas de abastecimento de água pela Embasa. Conforme o engenheiro de recursos hídricos alemão Christoph Hess, que é morador do local, já há até abaixo-assinado feito pela população para dar entrada em uma ação na justiça contra a empresa.

Ele relatou também que “a prefeitura vai renegociar a concessão com a empresa porque o contrato (de 20 anos) venceu no início desse ano”. Hess fará também um estudo sobre o assunto para colher mais informações e “melhorar o serviço e avançar rumo a uma melhor gestão”. A redação do Jornal da Chapada entrou em contato com o gabinete do prefeito Wilson Cardoso (PSB), mas foi informada que o gestor estaria em viagem, com retorno marcado para a próxima terça-feira (24).

O presidente dos Combatentes a Incêndios Florestais de Andaraí (Cifa), Homero Vieira dos Santos, confirma os relatos de Hess. “É uma vergonha. O sistema é muito antigo, feito para uma população pequena e nunca foi modernizado. Não tem água e todo dia falta em algum bairro para suprir a necessidade de outro”, afirma Vieira. Ele ainda denuncia que durante essas faltas de água, os encanamentos ficam com ar, que são registrados pelos hidrômetros (os aparelhos que contam a quantidade de água utilizada por uma residência) como se fosse água. Ou seja, haveria uma cobrança além do que o devido.

A equipe do Jornal da Chapada procurou o gerente da Embasa em Andaraí, Carlos Vasconcelos, para falar sobre as reclamações, mas ele também se encontrava em viagem, em uma reunião na cidade de Itaberaba.

Por Adalício Neto / Jornal da Chapada

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios