Chapada: Jovem gay de Itaberaba afirma ter sido ameaçado por eleitor de Bolsonaro

Postado em out 10 2018 - 12:18pm por Jornal da Chapada
capa23

Um homem, que ele não conseguiu identificar, disse que havia votado no candidato para “matar viado” como ele | FOTO: Divulgação |

Em áudio enviado ao Jornal da Chapada, um jovem itaberabense afirmou que nesta quarta-feira (10) foi seguido e depois ameaçado por um eleitor do candidato à Presidência do Brasil, Jair Bolsonaro (PSL), por conta de ser gay assumido. Em sua denúncia, ele disse que percebeu que alguém o seguia quando foi à casa de um amigo, quando estava retornando foi abordado. Um homem, que ele não conseguiu identificar, disse que havia votado no candidato para “matar viado” como ele.

“Todo mundo vai perder com isso. O ódio pelo PT está fazendo com que as pessoas não votem em Haddad. No primeiro turno não votei em Haddad, mas é a opção que a gente tem para votar no segundo turno”, disse a vítima, que não quis ser identificada, temendo represálias. Para ele, o candidato é o que há de pior, não consegue debater e dissemina ódio. Depois do episódio, ele foi para sua casa sem olhar para trás. “Ainda bem que tinha gente na rua, eu saí como se nem tivesse ouvido o que ele falou”, contou.

Jornal da Chapada

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.