CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolícia
Trending

#Brasil: Goleiro Bruno vai até delegacia para registrar boletim de ocorrência após incomodo em treino causado por tornozeleira

O boletim de ocorrência foi registrado como preservação dos direitos, quando não há crime.

Na última terça-feira (8), o goleiro Bruno Fernandes foi à Delegacia de Flagrantes de Rio Branco, no Acre, registrar um boletim de ocorrência. Bruno reclamou que a tornozeleira eletrônica machucou o seu tornozelo durante o treino no Estádio José de Melo e pediu um exame de corpo de delito. A informação foi confirmada pelo delegado plantonista, Frederico Tostes.

O boletim de ocorrência foi registrado como preservação dos direitos, quando não há crime. Bruno Fernandes, de 35 anos, foi condenado pelo homicídio triplamente qualificado de Eliza Samudio e pelo sequestro e cárcere privado do filho Bruninho. Ele também havia sido condenado por ocultação de cadáver, mas esta pena foi extinta porque a Justiça entendeu que o crime prescreveu. As penas somadas chegaram a 20 anos e 9 meses de prisão.

Bruno usa o equipamento desde do dia 4, após decisão da Justiça. Segundo o empresário dele, Bruno Kling, o goleiro colocava a tornozeleira apenas no período da noite. Porém, na segunda (7), a Justiça do Acre determinou que Bruno use a tornozeleira eletrônica de forma ininterrupta, durante o cumprimento da sua pena em regime semiaberto no estado, inclusive durante os treinamentos e jogos do Rio Branco Football Club, o Estrelão. Jornal da Chapada com informações do G1.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios