CidadesCuriosidadesEditorialMenu Principal
Trending

#Eleições2020: Candidatas a prefeita e vereadora receberam 11 mil ofensas em um mês de campanha

Das 11 mil ofensas, pelo menos 1.200 foram xingamentos diretos às postulantes, geralmente com estereótipos sobre o corpo e a sexualidade.

Um total de 123 candidatas receberam 11 mil ofensas virtuais em um mês de campanha eleitoral. O levantamento, que será divulgado nesta quinta-feira (5), é o primeiro do MonitorA, uma parceria do Instituto AzMina, InternetLab e Instituto Update. A informação é da coluna de Guilherme Amado, da revista Época.

Segundo o levantamento, de 27 de setembro a 27 de outubro, foram monitorados 123 perfis no Twitter de candidatas a prefeita e vereadora de sete partidos, em sete estados: Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Bahia, Pará, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Das 11 mil ofensas, pelo menos 1.200 foram xingamentos diretos às postulantes, geralmente com estereótipos sobre o corpo e a sexualidade. A mais xingada foi Joice Hasselman, candidata do PSL em São Paulo, com 612 tuítes, principalmente gordofóbicos.

Em seguida vem Manuela D’Ávila, nome do PCdoB na capital gaúcha, com 584 xingamentos atacando sua honestidade e de sua legenda. Benedita da Silva, nome petista à prefeitura carioca, ficou em terceiro lugar, com 52 mensagens ofensivas, incluindo racistas.

O MonitorA foi desenvolvido pela Volt Data Lab, em parceria com os veículos de imprensa Marco Zero, Amazônia Real, Portal Catarinas e Agência Mural.

Etiquetas

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios