Governo contesta denúncia de deputado e diz que contratos passaram pela PGE

Postado em jun 6 2014 - 2:20pm por Jornal da Chapada
dinheiro

| FOTO: Meramente Ilustrativa |

O governo do Estado respondeu às denúncias do deputado Carlos Gaban (DEM), que acusou a administração de irregularidade em contratos firmados com dispensa de licitação. Em nota, a Secretaria de Comunicação informou que a empresa Vervi Sistemas Construtivos S.A. não recebeu R$ 260 milhões da Superintendência de Desenvolvimento Industrial e Comercial (Sudic) em 2014. Para o governo, o montante é o valor total do contrato.

A inexigibilidade da concorrência teria ocorrido em razão de a empresa ter a exclusividade do sistema de construção, caracterizada pela velocidade e alta resistência de pré-moldados. Todas as contratações, conforme o comunicado, atenderam aos requisitos legais, com parecer da Procuradoria Geral do Estado (PGE). O parlamentar oposicionista protocolou as acusações no Ministério Público Estadual e Federal e no Tribunal de Contas do Estado (TCE). Texto extraído do Bahia Notícias.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.