Pular para a barra de ferramentas
AssessoriaCidadesCuriosidadesMenu Principal

Chapada: MP capacita e debate investigação de crimes cibernéticos em Itaberaba

ascom
O foco da palestra do promotor de Justiça foi um dos problemas mais vivenciados na atualidade: o cyberbulling | FOTO: Reprodução/Ascom/MP-BA |

Promotores de Justiça, juízes, advogados, policiais Civis e Militares e servidores de órgãos que integram o sistema de segurança pública participaram de uma capacitação promovida pelo Ministério Público estadual na regional de Itaberaba: a ‘III Oficina de Introdução em Investigação de Crimes Cibernéticos’. O coordenador da Promotoria de Justiça Regional, promotor de Justiça Thyego de Oliveira Matos, abriu o evento realizado no auditório da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) e agradeceu a presença da equipe do Núcleo de Crimes Cibernéticos (Nucciber), enfatizando a importância da ação para a sociedade informatizada na qual vivemos hoje. A teoria e a prática das ações aplicadas na prevenção e no combate a este tipo de crime foram abordadas pelo palestrante da oficina, promotor de Justiça Fabrício Patury, que coordena o Nucciber. De acordo com o site do MP-BA, o evento aconteceu nesta segunda-feira (17).

ascom
O tema central da oficina foi debatido ainda em duas escolas da rede estadual de ensino | FOTO: Reprodução/Ascom/MP-BA |

Junto com os participantes do encontro, Fabrício Patury debateu temas como ‘A nova sociedade da informática e os crimes cibernéticos’, ‘Crimes cibernéticos próprios e impróprios. Questões teóricas e práticas’, ‘Redes e mídias sociais’, ‘Fraudes eletrônicas, bancárias e em e-mail’, ‘Cyberbulling/pedofilia/racismo/voyerismo/sites e blogs de conteúdo ofensivo’, ‘Marco Civil da Internet’, ‘Responsabilidades pelo conteúdo’ e ‘Tipos de quebra de sigilo telemático’.

O tema central da oficina foi debatido ainda em duas escolas da rede estadual de ensino. Alunos do Colégio Luís Eduardo Magalhães e do Centro Técnico Profissional (Cetep) participaram de palestra com o coordenador do Nucciber, que abordou a parte preventiva e explicitou as sanções nas esferas cível, penal e administrativa para quem comete crime no ambiente virtual. O foco da palestra do promotor de Justiça foi um dos problemas mais vivenciados na atualidade: o cyberbulling. Fabrício Patury aproveitou a visita à região e participou da reunião do Conselho Comunitário de Segurança Pública de Ipirá, que teve diversos assuntos abordados, com destaque para o monitoramento da cidade. As informações são do site do MP-BA.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios