Brasil: Trilhas com acessibilidade levam turistas com deficiência à Chapada dos Veadeiros

Postado em fev 24 2016 - 10:50am por Jornal da Chapada
foto6

A trilha suspensa é feita de madeira, possui 230 metros de extensão e leva até um mirante de onde se pode visualizar as Corredeiras | FOTO: Reprodução/ICMBio |

Em dezembro do ano passado, o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, localizado no estado de Goiás, promoveu a primeira parte de uma trilha suspensa com acessibilidade, realidade que não temos na nossa Chapada Diamantina. Além de atrair mais turistas, dá possibilidade àqueles que, até então, não podiam participar de trilhas. Esse é o ponto forte desse projeto: inclusão. Com o novo aparelho, pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida poderão chegar até as Corredeiras, um dos atrativos do parque, aproveitando, inclusive, para tomar banho no local.

“Devido ao perfil das trilhas atualmente existentes, apenas uns poucos visitantes com baixa mobilidade ou com algum tipo de deficiência física tiveram a oportunidade de conhecer o parque”, disse Carla Guaitanele, chefe da unidade de conservação gerida pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Trilha
A trilha suspensa é feita de madeira, possui 230 metros de extensão e leva até um mirante de onde se pode visualizar as Corredeiras. Desse ponto, com auxílio, cadeirantes e pessoas com mobilidade reduzida poderão entrar na água e desfrutar das delícias do rio Preto.

A trilha, segundo a chefe do parque, atende às regras da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) que tratam dos critérios e parâmetros técnicos a serem observados na construção, instalação e adaptação de equipamentos de uso público no meio urbano e rural. Jornal da Chapada com informações do ICMBio.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.