Bahia: Prefeito de Salvador reclama a falta de verba federal

Postado em mar 1 2016 - 5:11pm por Jornal da Chapada
fo6o7

Prefeito de Salvador, ACM Neto |FOTO: Divulgação |

Ao fazer um balanço dos investimentos do município na área de Saúde durante a apresentação da nova Defesa Civil de Salvador (Codesal) e a Operação Chuva 2016 na última segunda-feira (29) o prefeito de Salvador, ACM Neto, reclamou da falta de repasse de verbas do Governo Federal para a pasta citada, conforme denúncia do programa Fantástico, da Rede Globo. Segundo o prefeito, ele encontrou a Prefeitura com apenas uma Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) em funcionamento. Hoje já são cinco administradas pela gestão municipal.

“Enquanto nós ampliamos nossos investimentos e lançamos projetos novos, como a construção do primeiro Hospital Municipal de Salvador, a matéria exibida pelo Fantástico revela a situação da rede hospitalar estadual e a falta de repasses da União para o município. Estamos, inclusive, financiando coisas que são da responsabilidade do Governo Federal. Ano passado, ficamos três meses sem receber recursos federais. Paguei tudo em dia porque cobri obrigações que não eram da Prefeitura”, denunciou ACM Neto.

O prefeito da capital baiana alega que a União tem deixado de repassar R$80 milhões para Salvador anualmente, principalmente no que se refere às áreas da média e alta complexidade no atendimento à saúde. “Se a gente recebesse esse dinheiro que deixam de repassar poderíamos ampliar o credenciamento de hospitais para serviços de oncologia, por exemplo, ou para cirurgias eletivas. Minha opinião é que isso acontece por uma decisão política do governo, já que eles elevaram o teto do município do Rio de Janeiro”, ressaltou. As informações são da Agecom PMS.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.