AssessoriaCidadesCuriosidadesMenu Principal

Casais podem se inscrever para o primeiro casamento coletivo LGBT de Salvador

foto67
Casais interessados podem procurar a sede do Gedem, em Salvador | FOTO: Reprodução |

O primeiro matrimônio coletivo de lésbicas, gays, bissexuais, transexuais, transgêneros e travestis de Salvador irá ocorrer no dia 10 de junho. A informação foi divulgada pelo Ministério Público da Bahia (MP-BA), que comanda o projeto ‘Sim ao Amor – Casamento Coletivo LGBT’. A ação tem o objetivo de promover o reconhecimento social e judicial das uniões homoafetivas em Salvador. O matrimônio coletivo será realizado no auditório do MP-BA, no Centro Administrativo da Bahia (CAB). Conforme o órgão, os casais interessados em participar do matrimônio coletivo podem procurar a sede do Grupo de Atuação Especial em Defesa da Mulher e da População LGBT (Gedem), que fica no Jardim Baiano, no bairro de Nazaré.

No local, os interessados terão acesso a informações, orientações e encaminhamentos sobre os procedimentos de habilitação que devem ser realizados junto aos cartórios de registro civil de pessoas naturais dos subdistritos de Brotas e da Vitória. O órgão diz que irá disponibilizar uma equipe multidisciplinar, formada por psicóloga, assistente social e advogada, para atender os interessados. O ‘Sim ao Amor’ é uma iniciativa do Gedem, do Grupo de Atuação Especial de Proteção dos Direitos Humanos e Combate à Discriminação (Gedhi) e do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça Cíveis, Fundações e Eleitorais (Caocife), com a colaboração de movimentos sociais ligados às questões LGBT. As informações são do Portal G1.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios