CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolícia

Chapada: Motorista sequestrado em Itaberaba é salvo por agentes da PRF

foto6
Os policiais encontraram o motorista sequestrado amarrado em um matagal | FOTO: Divulgação/PRF |

Na noite do último sábado (18), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) conseguiu encontrar um motorista deixado amarrado em um matagal por marginais que levaram a sua carreta em um assalto no KM196 da BR-242, trecho de Itaberaba, na Chapada Diamantina, após uma denúncia. Imediatamente os policiais deslocaram-se à procura dos veículos e do seu condutor, que estaria em poder dos marginais. Os agentes da PRF montaram uma “barreira” no entroncamento de Argoim, distrito do município de Rafael Jambeiro, que liga as rodovias 116 e 242, para abordar todos os possíveis veículos informados na denúncia.

Durante a operação, ao tentar abordar uma carreta com as citadas características, os policiais foram surpreendidos com a tentativa de fuga, tendo que iniciar uma perseguição por cerca de um quilômetro, quando dois homens desembarcaram da carreta rapidamente, atirando contra os policiais e fugindo para o matagal. Após troca de tiros, os PRFs fizeram buscas no local, mas não conseguiram alcançar os marginais, recuperando o cavalo-trator com o semirreboque carregado com 31.980 quilos de milho em grãos. Os policiais continuaram as buscas à procura do motorista sequestrado, que somente foi localizado por volta de 2h.

No interior da carreta, os agentes encontraram um aparelho bloqueador de sinal de rastreamento veicular e uma sacola com ferramentas diversas pertencentes aos bandidos. O condutor foi encaminhado para a delegacia de polícia judiciária de Itaberaba para prestar queixa e o conjunto veicular permanece na Unidade Operacional da PRF em Itaberaba à disposição da autoridade policial. Jornal da Chapada com informações da PRF.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas