Chapada: TCM rejeita contas de Capim Grosso por extrapolar despesa com pessoal

Postado em dez 1 2016 - 11:40am por Jornal da Chapada

José Sivaldo Rios de Carvalho é o atual prefeito da cidade | FOTO: Reprodução/Agência Nordeste |

A prefeitura de Capim Grosso, no Piemonte da Chapada Diamantina, teve suas contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) na sessão da última terça-feira (29). O prefeito José Sivaldo Rios de Carvalho (PSDB), responsável das contas referentes ao exercício de 2015, viu a rejeição acontecer pelo descumprimento do índice máximo permitido para despesa com pessoal.

O prefeito de Capim Grosso, além de promover gastos com pessoal utilizando 62,67% da receita corrente líquida do município, quando o máximo permitido é 54%, também deixou de recolher multas da sua responsabilidade que foram impostas pelo TCM em processo anteriores.

O gestor foi penalizado pelo conselheiro relator, Raimundo Moreira, com duas multas. Uma no valor de R$8 mil, por falhas contidas no relatório técnico, e outra no importe de R$50.400,00, equivalente a 30% dos seus subsídios anuais, pela não redução da despesa com pessoal. Ainda cabe recurso das decisões. Com informações do TCM.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.