AssessoriaCidadesCuriosidadesEconomiaMenu PrincipalPolítica

Chapada: Conselho gestor da APA Marimbus/Iraquara elege membros para biênio 2017-2019

inema
O evento aconteceu na Câmara de Vereadores, com a participação dos candidatos, interessados e representantes da plenária | FOTO: Divulgação/Inema |

O Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) realizou, na última quinta-feira (11), no município de Lençóis, na Chapada Diamantina, a plenária de eleição do Conselho Gestor da Área de Proteção Ambiental (APA) Marimbus/Iraquara, para o biênio 2017–2019. O evento aconteceu na Câmara Municipal de Vereadores, com a participação dos candidatos, interessados e representantes no assunto. A sessão contou com a coordenação da gestora da APA, Ana Carolina Delfino, e dos técnicos Pedro Cardoso, da Coordenação de Planejamento da Diretoria de Unidade de Conservação (Diruc) e Alexandra Hirsch, da Coordenação de Interação Social (Codis).

Delfino classificou o processo eleitoral como positivo e traçou o que deve ser feito para que o Conselho obtenha sucesso. “Eu achei que a reunião foi muito produtiva, todos tiveram a oportunidade de colocar aquilo o que esperam do conselho. O próximo passo é conquistar a confiança de alguns setores da região, visto o histórico da ‘desconstrução’ do Conselho que aconteceu ao longo desses cinco anos em que a unidade ficou sem gestor”, pontuou Carolina.

Para Silvio Arruda, presidente da Sociedade Baiana de Espeleologia, um dos passos principais para a retomada do Conselho foi tomado, que é a eleição, e deseja que o grupo eleito tenha sequência para desempenhar as suas atividades. “Nessa nossa reunião, com a eleição para a reativação do Conselho Gestor da APA é de suma importância para a preservação do ecossistema da Chapada Diamantina em todos os sentidos. Caatinga, zona da mata e também o nosso sistema de espeleologia que luta pela defesa do patrimônio espeleológico. Espero que nessa oportunidade tenhamos sequência e mais produtividade”. Jornal da Chapada com informações do Inema.

Veja abaixo a composição do Conselho:

Setor Público – Prefeitura Municipal de Seabra, Prefeitura Municipal de Lençóis, Prefeitura Municipal de Andaraí, Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade e o Instituto Federal da Bahia – Campus Seabra

Empreendedores locais – Calcário Rio Preto Ltda., Lavoura e Pecuária Igarashi Ltda., Bioenergia Orgânicos Ltda. e Adalgísio Pires Neto (Flora Comunicação).

Sociedade civil – Associação Comunitária do Vale do Cercado, Grupo Ambientalista de Lençóis, Instituto Barro Branco Interação Orgânica de Apoio Técnico Institucional e a Associação Baiana de Espeleologia.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios