CidadesCuriosidadesEditorialMenu Principal

#Bahia: Prefeito ACM Neto evita ‘juízo de valor’ sobre prisão do aliado Geddel

geddel
ACM Neto afirmou que é preciso aguardar os desdobramentos dos fatos, inclusive a manifestação da defesa de Geddel | FOTO: Reprodução |

Com um peemedebista (Bruno Reis) como seu vice, o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), disse em nota, na última segunda-feira (3), que não vai fazer “juízo de valor” sobre a prisão de seu aliado Geddel Vieira Lima, detido pela Polícia Federal (PF) em sua casa, em Salvador.

ACM Neto afirmou que é preciso aguardar os desdobramentos dos fatos, inclusive a manifestação da defesa de Geddel. “Nesta hora, quando as informações são muito preliminares, prefiro não antecipar nenhum juízo de valor até que tudo seja devidamente esclarecido”, afirmou o prefeito do DEM.

Geddel foi preso sob acusação de obstrução de justiça em decorrência da Operação Cui Bono, deflagrada em janeiro deste ano para investigar fraudes em créditos da Caixa Econômica Federal, onde ele ocupou o cargo de vice-presidente, antes de se tornar ministro da Secretaria de Governo da Presidência da República. A Cui Bono é um desdobramento da Operação Lava Jato. As informações são do Bahia 247.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios