CidadesCuriosidadesEditorialMenu Principal

Valmir chega ao terceiro mandato para lutar por liberdade de Lula e fazer oposição ferrenha a Bolsonaro

O deputado federal Valmir Assunção foi empossado nesta sexta-feira no Congresso Nacional | FOTO: Lula Marques |

Em seu terceiro mandato como deputado federal, o baiano Valmir Assunção (PT) tomou posse nesta sexta-feira (1º) durante cerimônia no Congresso Nacional e ratificou suas bandeiras de luta e a defesa intransigente pela democracia. Para o parlamentar petista, o momento político que vive o Brasil precisa de atenção e cuidados. Ele destaca, entre outros temas, a oposição ferrenha a Bolsonaro e à política ultraconservadora do seu governo. “Temos que lutar nas ruas. Não adianta querer tapar o sol com a peneira, o país vive um momento turbulento com as retiradas de direitos dos trabalhadores, com apelo ao conservadorismo e com políticas retrógradas que fazem a gente até ter vergonha de determinadas posições do governo federal”, frisa.

Valmir defendeu a liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e disse que o caráter político de sua prisão segue envergonhando o povo brasileiro. Segundo o deputado, a defesa de suas bandeiras será ainda mais forte. “Se depender de mim teremos uma oposição qualificada para brigar pelo povo”. Ele se refere à reforma agrária, aos direitos humanos, políticas públicas para mulheres, quilombolas, indígenas, para a comunidade LGBTI+, Sem-Terra e em defesa dos movimentos sociais, da democracia, dos direitos do povo brasileiro. “Não vamos deixar de tratar desses assuntos um só dia. Essa legislatura será uma das mais importante da história do país e farei parte desta história”, sintetiza. Em relação à Bahia, o petista saudou a posse do deputado estadual Mário Jacó (PT), que assumiu uma cadeira na Assembleia nesta sexta.

O deputado federal baiano ainda lembrou dos inúmeros casos de corrupção envolvendo setores do governo, antes mesmo dele se consolidar. Conforme Assunção, esses fatos remetem a um problema estrutural da direita e dos ultraconservadores: a hipocrisia. Valmir salienta que o importante agora é ter uma base oposicionista forte e que acredita na autonomia dos Poderes, embora setores do Judiciário queiram enfraquecer as instituições. Ele ainda destaca a atuação do governador Rui Costa (PT), na Bahia, como fundamental para o desenvolvimento do Nordeste. “Temos que ter muita cautela para não generalizar nesta questão do judiciário. Mas nosso terceiro mandato também vai ajudar a Bahia a seguir no rumo certo. Rui é parceiro dos movimentos sociais e vamos seguir juntos nessa caminhada”.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios