#Brasil: Ministro indica comandante da PM Ambiental de SP para cargo de presidente do ICMBio

Postado em abr 17 2019 - 5:07pm por Jornal da Chapada

O comandante da PM Ambiental de São Paulo, coronel Homero de Giorge Cerqueira | FOTO: Reprodução/PM São Paulo |

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, informou nesta quarta-feira (17) que indicou o atual comandante da Polícia Militar Ambiental do estado de São Paulo, coronel Homero de Giorge Cerqueira, para a presidência do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Salles disse ao blog administrado pela jornalista Andréia Sadi, que já solicitou a liberação do comandante da PM Ambiental ao secretário de Segurança Pública paulista. Desde julho de 2018 à frente do policiamento ambiental, coronel Homero já chefiou outras unidades da PM de São Paulo, como a Casa Militar e a Escola Superior de Soldados e de Sargentos.

O oficial da Polícia Militar paulista vai substituir Adalberto Eberhard na presidência do ICMBio. Eberhard pediu demissão do instituto no último domingo (14). A exoneração a pedido foi publicada na edição desta terça (16) do “Diário Oficial da União”. Adalberto Eberhard pediu demissão após Ricardo Salles anunciar a uma plateia de ruralistas, no final de semana, que iria abrir processo administrativo disciplinar contra servidores do ICMBio que atuam na sede do instituto no município gaúcho de Mostardas.

Além disso, o agora ex-presidente do instituto é contra a ideia de fusão do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) com o ICMBio, como estuda o presidente Jair Bolsonaro desde que foi eleito em outubro do ano passado. Ibama e ICMBio são órgãos vinculados ao Ministério do Ambiente e dividem o trabalho de fiscalização e preservação do meio ambiente. O ICMBio gerencia unidades de conservação federal, enquanto o Ibama tem como principal atribuição o licenciamento de obras. As informações são do G1.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.