CidadesCuriosidadesMenu PrincipalMundo

#Polêmica: Defesa de Adélio teria assumido caso para faturar com caso ‘supermidiático’

Adélio Bispo dos Santos é o autor da facada que atingiu Jair Bolsonaro | FOTO: Divulgação |

O advogado Zanone Júnior, que faz a defesa de Adélio Bispo dos Santos, teria assumido o caso gratuitamente para “faturar com os holofotes de um caso supermidiático”. Essa foi uma tese proposta pelo jornalista Lauro Jardim na edição do último domingo (23) do jornal O Globo. Adélio Bispo dos Santos é o autor da facada que atingiu Jair Bolsonaro (PSL) durante a campanha eleitoral, em Juiz de Fora (MG).

Zanone sustentou desde o início que o dinheiro para defender Adélio lhe foi dado por “um religioso de Montes Claros (MG)”, que não queria aparecer. Porém, a Polícia Federal diz que o advogado resolveu assumir o caso de graça e inventou uma história. A versão vai de encontro ao que Bolsonaro e os filhos têm divulgado nas redes sociais, de que haveria um mandante por trás do crime que estaria pagando os honorários do advogado. Jornal da Chapada com informações do site da Revista Fórum.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas