Chapada: Sede oficial do IF Baiano é inaugurada em Itaberaba; prefeito destaca revolução na educação

Postado em jul 9 2019 - 8:16pm por Jornal da Chapada

O prefeito Ricardo Mascarenhas participou da inauguração acompanhado pela vice-prefeita Maria José, por secretários e vereadores | FOTO: Montagem do JC |

Uma aula inaugural marcou a entrega da nova unidade do Instituto Federal Baiano (IF Baiano), campus de Itaberaba, na Chapada Diamantina, nesta terça-feira (9). O espaço fica localizado no KM 4 da BA-233 (Estrada de Ipirá) e vai possibilitar uma melhora significativa na oferta de educação pública de qualidade, com a ampliação dos serviços e recursos a serem disponibilizados à comunidade acadêmica. O IF Baiano integra o Plano de Expansão da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, e fica situado dentro do Território de Identidade Piemonte do Paraguaçu.

O prefeito Ricardo Mascarenhas (PSB) participou do evento acompanhado pela vice-prefeita Maria José Novais (PSD), por secretários e vereadores municipais, além de outros colaboradores da gestão ‘Cidade de Todos’. Em seu pronunciamento, Ricardo destacou o ano da revolução na educação de Itaberaba, que começou com a inédita entrega de milhares de Kits Escolares, com fardamento, mochilas e material de estudo, para os alunos da Rede Municipal de Ensino.

Este slideshow necessita de JavaScript.

“Temos ainda a construção de novas escolas e reforma das escolas existentes. Porque entendemos que provocar a mudança é muito mais difícil que crescer com ela. Não adianta modernizar a política se as pessoas não se identificarem com esse processo, e para isso, é preciso construir esse pensamento nas escolas. Para nós da gestão Cidade de Todos, que queremos revolucionar a educação de Itaberaba, não há outro ponto de partida que não seja aqui, no chão da escola”, disse o gestor.

O ‘Campus Itaberaba’ do IF Baiano busca atender às demandas dos municípios localizados na região integrante do semiárido baiano, entre o Recôncavo e a Chapada Diamantina, cujas demandas dos Arranjos Produtivos Locais apontam para cursos nas áreas agrícola e frutícola. A aula inaugural também marcou o início das atividades para os estudantes dos cursos Técnicos Integrado em Agroindústria, Subsequente em Agropecuária e Subsequente em Meio Ambiente. Jornal da Chapada com informações de assessoria.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.