CidadesCuriosidadesEditorialMenu Principal
Trending

#Bahia: “Único remédio é o isolamento neste momento, Bolsonaro segue errando”, diz Suíca

Para o vereador petista de Salvador, Bolsonaro segue isolado no Congresso e cometendo erros graves, que podem piorar a situação no Brasil.

A troca de titulares no Ministério da Saúde causou embaraço político no Congresso Nacional, com a Câmara e o Senado respondendo à demissão de Luiz Henrique Mandetta e aprovando pautas que colocam o presidente Bolsonaro na parede em meio à pandemia de coronavírus (Covid-19). E foi com esse olhar, que o vereador de Salvador Luiz Carlos Suíca (PT) voltou a criticar, nesta sexta-feira (17), a postura do governo federal e as declarações do presidente da República de flexibilizar a quarentena com a retomada das aulas e reabertura de comércio nos municípios. Suíca frisa que o “único remédio é o isolamento neste momento, Bolsonaro segue errando”.

“Ele [o presidente] tem sido inflexível sobre a quarentena, taxativo nas próprias opiniões sobre o isolamento social e ainda tem ameaçado o Supremo Tribunal Federal [STF], que já pediu à Procuradoria-geral da República [PGR], pela segunda vez, o seu afastamento da presidência. Bolsonaro não tem força política, a Câmara aprovou, na quinta, por exemplo, um número alto de novas categorias aptas a receberem o auxílio emergencial, e o Senado travou a pauta sobre a nova carteira de trabalho ‘verde e amarela’ – que retira direitos e basicamente acaba com o terço de férias, décimo terceiro e ainda cria imposto para trabalhadores desempregados”, frisa Suíca.

Para o vereador petista, Bolsonaro segue isolado no Congresso e cometendo erros graves, que podem piorar a situação no Brasil. O parlamentar soteropolitano lembra que nesta sexta o país bateu novo recorde de mortes em um dia. “Foram 217 óbitos em 24h, e já temos 2.141 mortos no total, isso se os números forem corretos. Duvido muito que esse governo esteja repassando dados verdadeiros. É a gestão fake news. São agora 33.682 mil pessoas infectadas por coronavírus. Nesse ambiente, é preciso ter muito cuidado com as decisões baseadas em números da economia, temos de prestar atenção na vida das pessoas e arcar com a responsabilidade”, completa. As informações são de assessoria.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios