CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolíticaTop
Trending

#Chapada: Prefeito de Ituaçu e filhos se envolvem em duas brigas no mesmo dia e casos vão parar em delegacia

Dois boletins de ocorrências foram enviados para a redação do Jornal da Chapada indicando duas ações de agressões que tiveram o prefeito Adalberto e seus filhos Breno e Caique Luz como protagonistas.

Dois moradores do município de Ituaçu, na Chapada Diamantina, apontam que foram agredidos pelo prefeito Adalberto Luz (PTB) e seus dois filhos, o ortopedista Breno e o estudante Caique Luz, após ato político do grupo do gestor que vai para reeleição. Em diferentes boletins de ocorrências enviados ao Jornal da Chapada, os moradores narram que os casos aconteceram em locais e horários diferentes. Uma das versões narradas em boletim foi rebatida em vídeo pelo médico filho do prefeito em rede social.

No primeiro boletim, o ambulante Antônio José dos Santos, de 58 anos, declara que no último domingo (30), por volta das 14h, foi agredido por Breno Luz. De acordo com o documento, tudo ocorreu quando o senhor Antônio se encontrava na Rua do Bonfim — em frente à casa de uma amiga – ao ser surpreendido por um chute de Breno que o fez cair no chão. “Ele ficou com o braço inchado e a gente suspeita que pode ter fraturado, já que ele teve problemas com o braço algum tempo atrás”, diz um morador que enviou os dados sobre o caso envolvendo Antônio.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Além disso, no mesmo dia, outro fato ocorreu também com o médico, sendo que dessa vez, com a ajuda do prefeito e de seu irmão Caique Luz. O registro de ocorrência na delegacia foi feito pelo estudante Tarcio Luis Silva Brito, de 18 anos, que relata que estava com os seus primos em frente à Igreja Matriz, na praça Moraes Moreira, quando, segundo ele, de repente, um carro Hilux de cor branca apareceu executando manobras com o intuito de causar colisão com o veículo em que Tarcio se encontrava.

Ainda conforme o relato da vítima, o condutor do carro desviou o percurso e subiu na rua do Banco Bradesco. No entanto, as pessoas que estavam no veículo pediram para o condutor parar para que a Hilux de Breno seguisse. Segundo consta no boletim, realizado pelo estudante, Breno saiu do seu veículo e começou a chutar a porta do carro de Tarcio. Em seguida, Caique Luz lhe desferiu um soco no rosto, e posteriormente Adalberto Alves Luz o atingiu com outro soco no lado direito.

Outro lado
Em sua rede social, Breno Luz fez uma ‘live’ para contar sua versão sobre o ocorrido no qual é apontado como protagonista dos casos de agressões. No vídeo, o ortopedista admite que o encontro entre os carros ocorreu, mas diz que as ações foram para criar um “fato político”. O filho do prefeito nega ter promovido qualquer ato de violência. Breno relata que, por diversas vezes, sua família foi vítima de ataques.

Conforme ele, no encontro entre os dois carros, o condutor de um Onix cor de chumbo, que relatou a agressão, se referiu ao médico, de forma irônica, dizendo para ter “cuidado que foguete mata”. O médico acredita que a mensagem se refere ao atentado que, segundo ele, sofreu na semana passada.

“Eu sei ao que ele estava se referindo. Ao atentado que nós sofremos na minha casa, uma semana atrás e eu tenho certeza que, o que eles praticaram ontem [30 de agosto], foi para ofuscar os atos que eles [a oposição] estão praticando”, diz o ortopedista em vídeo.

A reportagem do Jornal da Chapada tentou contato com o prefeito Adalberto Luz com o número disponibilizado, no entanto, não teve sucesso. O espaço para sua versão dos casos está aberto.

Jornal da Chapada

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios