CidadesCuriosidadesMenu PrincipalSaúde
Trending

#Bahia: Água potável e saneamento transformam a vida dos moradores da zona rural do estado

Visando melhorar as condições do saneamento do meio rural, aumentando a qualidade de vida e saúde dos moradores, além do fornecimento de água potável de qualidade, estão sendo implantados Módulos Sanitários Domiciliares.

Com o objetivo de proporcionar o atendimento ao direito humano fundamental de acesso à água em quantidade e qualidade, o Governo do Estado tem ampliado o acesso de abastecimento de água na zona rural do estado.

A Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (Cerb), empresa vinculada à Secretaria de Infraestrutura e Saneamento (SIHS), tem um papel importante como responsável na execução das obras. Dentro do Programa Bahia Produtiva, diversos sistemas de abastecimento de água estão sendo construídos e outros ampliados, com recursos do Banco Mundial.

Visando melhorar as condições do saneamento do meio rural, aumentando a qualidade de vida e saúde dos moradores, além do fornecimento de água potável de qualidade, estão sendo implantados Módulos Sanitários Domiciliares (MSD). Durante a implantação dos sistemas de abastecimento e dos MSD são realizados trabalhos sociais com a população local, onde são repassadas as noções básicas de educação sanitária e ambiental.

De acordo com o coordenador do Programa Bahia Produtiva da Cerb, Andrevan Sant´Anna, “outra alternativa para garantir o fornecimento de água sem interrupções pela falta de manutenção ou problemas com os equipamentos, foi criada a Central que reúne associações para que elas, juntas, possam gerir e assegurar o funcionamento dos seus sistemas de abastecimento de água” .

No município de Campo Formoso, por exemplo, nas localidades de Alagadiço do Brejão, Junco e Bolas, no município de Campo Formoso, a construção do sistema integrado de abastecimento de água vai beneficiar 181 famílias que não tinham acesso à água potável de qualidade. A captação é feita através de um poço tubular perfurado pela Cerb.

Ainda no município de Campo Formoso, um sistema simplificado está sendo concluído e vai atender 168 famílias que vivem na zona rural, nas localidades conhecidas como Queixo Dantas e Lagoa do S. Francisco. O sistema é alimentado por um manancial subterrâneo, poço da Cerb.

Já em Brejão da Caatinga, Borges e Curral Velho, estão sendo construídos três sistemas simplificados, que vão atender cerca de mil famílias que vivem nas três localidades, com investimentos oriundos do Banco Mundial, no valor total de R$ 2 milhões e 450 mil.

Desses sistemas, estão previstas três adutoras com 10.870 metros de extensão, duas unidades de reservação, redes de distribuição para as ligações domiciliares, totalizando 12.818 metros de extensão. As informações são da Cerb.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios