Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolícia

Bahia: ‘Chuva de chumbo’, diz pastor após ser baleado durante culto em povoado de Dom Basílio

padre
Pastor mostra marcas de disparos efetuados por homem durante culto | FOTO: Fabiano Neves/Site Destaque Bahia |

O pastor baleado durante culto evangélico no distrito de Caiçara do Pio, no município de Dom Basílio, a cerca de 577 quilômetros de Salvador, acredita que tenha sobrevivido por “obra divina”. Adão Nunes foi atingido por cinco disparos na sexta-feira (13) e, mesmo ferido, conseguiu capturar o suspeito. “Estou bem, fazendo meus cultos normalmente. Considero que Deus nos deu um grande livramento. Não tenho dúvida que foi obra de Deus”, disse o pastor ao G1. Baleado na barriga e nas duas pernas, Nunes foi uma das três pessoas atingidas. Todos foram hospitalizados, mas sem ferimentos graves.

outra
Polícia apreendeu arma e faca com suspeito | FOTO: Reprodução/Fabiano Neves/Site Destaque Bahia |

O homem suspeito do crime continua preso nesta quarta-feira (15). Ele foi transferido para o município de Livramento de Nossa Senhora, a 29 quilômetros de Dom Basílio. Segundo o pastor, o homem estava incomodado o culto e foi pedido para que ele deixasse o local. Minutos depois, o suspeito voltou com uma arma carregada com várias munições de chumbo.

“Ele veio do nada criticando todo mundo e a gente pediu que ele se retirasse. Aí ele foi em casa, pegou a arma e atirou. Foi uma chuva de chumbo, gritaria de mães, que saíram correndo com os filhos. Depois que descarregou a arma ele perguntou se a gente queria mais. Nisso ele se afastou e fugiu. Mas a gente correu e conseguiu prender ele”, recorda o pastor.

Adão Nunes conta que trabalha há três meses na cidade e que não conhece o homem. Graças a Deus nenhuma criança foi atingida. Foi um ato inusitado, mas ja está passando. O médico disse que nenhum chumbo chegou a ficar dentro do corpo. Então, no outro dia já estava celebrando e continuando o trabalho”. Segundo a Polícia Militar, o suspeito aparentava estar embriagado e relatou no momento da prisão que estava incomodado com barulho feito pelos fiéis, que estavam reunidos numa residência vizinha. Do Portal G1.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios