Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesMenu PrincipalSaúde

Conquista: Após temporal que arrastou carros, volta a chover em município

Conforme Inmet, previsão é de que o mau tempo persista nos próximos dias. Temporal é resultado de efeito de massa equatorial continental, diz instituto. FOTO: Divulgação|
Conforme Inmet, previsão é de que o mau tempo persista nos próximos dias. Temporal é resultado de efeito de massa equatorial continental, diz instituto. |FOTO: Divulgação|

Voltou a chover forte na cidade de Vitória da Conquista, na região sudoeste da Bahia, no início da tarde desta quarta-feira (12) e, de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a previsão é de que o mau tempo persista nos próximos dias.

O tempo deve permanecer nublado com pancadas de chuva e trovoadas isoladas até a quinta (13). Na sexta, no sábado e no domingo, conforme o Inmet, o céu continuará encoberto, com possibilidade de chuva. Ainda segundo o instituto, o temporal é resultado de um efeito de massa equatorial continental.

Transtorno
Na última segunda-feira (10), os moradores da cidade enfrentaram um dia de caos. Ruas ficaram alagadas e carros foram arrastados pela água.

A prefeitura do município informou que recebeu três notificações após a chuva e divulgou que técnicos da Defesa Civil visitaram vários pontos da cidade e constataram que a água, apesar de invadir algumas casas e pontos comerciais, não trouxe prejuízos.

A prefeitura também informou, por meio de nota, que faz manutenção e limpeza de vários canais de drenagem existentes na cidade, como parte das intervenções com o objetivo de facilitar o escoamento da água da chuva.

De acordo com o executivo municipal, o cidadão pode solicitar ajuda referente a deslizamentos, desabamentos, enchentes, inundações, entre outras emergências, por meio do telefone da Defesa Civil 199. Extraído do G1 Bahia.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios