Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesEconomiaMenu Principal

Chapada: Barra de cereais e cerveja de umbu são lançados na Fenagro 2014

foto
O evento aconteceu na Feira da Agricultura Familiar e Economia Solidária, uma das programações mais importantes da 27ª edição da Feira internacional da Agropecuária da Bahia | FOTO: Divulgação/Seagri |

Que tal experimentar barrinhas de cereais da agricultura familiar ou uma exótica cerveja de umbu? O passo inicial para emplacar esses novos produtos no mercado foi dado na última quinta-feira (4), com o lançamento da primeira barra de cereais fabricada pela Cooperativa dos Produtores do Abacaxi de Itaberaba (COPAITA) e da cerveja artesanal Saison de Umbu, produzida pela Cooperativa de Agricultura Familiar de Canudos, Uauá e Curaça (Coopercuc). O evento aconteceu na Feira da Agricultura Familiar e Economia Solidária (FEBAFES), uma das programações mais importantes da 27ª edição da Feira internacional da Agropecuária da Bahia – Fenagro 2014, que termina domingo (7), no Parque de Exposições de Salvador.

O secretário da Agricultura da Bahia, Jairo Carneiro, reafirmou que a agricultura familiar é uma das prioridades do governo Jaques Wagner, e seguindo sua orientação a Secretaria Estadual da Agricultura (Seagri) implementa ações visando o fortalecimento deste setor, sendo a agroindustrialização uma das principais alternativas. “Esses novos produtos vão valorizar ainda mais a produção da agricultura familiar em todos os seus estágios, desde os insumos até o produto final, agregando valor ao produto”, explicou Carneiro.

outra
A cerveja artesanal Saison de Umbu, produzida pelas Cooperativas de Agricultura Familiar de Canudos, Uauá e Curaça | FOTO: Divulgação/Seagri |

Abacaxi desidratado, castanha, licuri, melaço de cana e chocolate, são alguns dos ingredientes que compõem a barrinha de cereal. Para o diretor presidente da Copaita, Valdomiro Vicente, a nova barrinha de cereal vem garantir melhor aproveitamento da produção. “Trabalhamos com os produtos desde sua forma in natura, até o produto final. O produtor passa a ter agora, a garantia de que toda sua produção vai ser absorvida pelo mercado, podendo ser em sua forma in natura ou industrial”, disse.

O presidente da Copaita, que agrega mais de 250 famílias, destaca ainda que já existe a expectativa de projeção do produto no mercado, seja através da iniciativa do governo, por meio do Programa Nacional de alimentação Escolar (PENAE) e Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), ou no mercado privado, a exemplo de uma grande rede de supermercados que visitou a feira, e demonstrou interesse pela comercialização das barrinhas, adequando-se às condições comerciais.

O presidente da Coopercuc, Adilson Ribeiro dos Santos, fala sobre a surpresa dos cooperados diante da repercussão gerada pela nova cerveja de umbu. “Nós não esperávamos essa repercussão, uma fruta nativa e tradicional da caatinga, mas temos certeza de que esse é um salto muito alto para o pequeno produtor da Bahia. O melhor é que o mercado já demonstra interesse de comercialização da cerveja, inclusive uma rede de supermercados de São Paulo está em fase de negociação”, disse.

“Esse é o papel do governo do Estado, através da Secretaria da Agricultura da Bahia/Superintendência da Agricultura Familiar (Seagri/Suaf), estimular a agricultura familiar da Bahia, incentivando a industrialização, e profissionalizando os pequenos produtores, para garantir emprego e renda no campo”, afirmou o superintendente da Agricultura Familiar da Seagri, Wilson Dias.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios