CidadesCuriosidadesEducaçãoMenu Principal

Chapada: Experimentos com foguetes dão continuidade a evento de ciência do Ifba em Jacobina

foto5
Além do lançamento de foguetes, a programação também contou com a mesa-redonda com debates sobre meio ambiente | FOTO: Divulgação/Ifba Jacobina |

Experimentos com o lançamento de foguetes artesanais foi o destaque do segundo dia de atividades da IV Semana de Ciência e Tecnologia, promovida pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (Ifba), campus de Jacobina, na Chapada Diamantina. Os foguetes, produzidos a partir de garrafas plásticas e tubos de água foram ensinados na oficina de “Construção de foguetes”, ministrada pelo professor de física do Instituto Federal de Alagoas (Ifal), Robenilson Ferreira. Ele explicou que o lançamento acontece a partir da elevação da pressão interna da garrafa, que é provocada por uma bomba usada para encher pneus de bicicleta. “Quando a pressão sobe, o ar comprimido expulsa a água, provocando a decolagem do foguete”.

De acordo com Robenilson, o experimento, que utiliza a lei da ação e reação estudada na física, é incentivado por organizações como a Agência Espacial Brasileira (AEB) para despertar novos talentos na área aeroespacial. “Experimentos assim também ajudam a quebrar a resistência que muitos têm em relação ao estudo de disciplinas como a física”, analisou o docente, que ministrou a oficina pela primeira vez fora da instituição em que trabalha. O estudante de eletromecânica do IFBA, Douglas Menezes, foi um dos inscritos na oficina e afirma que passou a se interessar mais sobre o assunto. Das sete equipes formadas, a de Douglas foi a que conseguiu alcançar a maior distância de lançamento: 87 metros.

Ciência e meio ambiente
Além do lançamento de foguetes, a programação também contou com a mesa-redonda “Minha cidade sustentável”, que reuniu os representantes da Associação de Ação Social e Preservação das Águas, Fauna e Flora da Chapada Norte (Aspaff), Richard Silva, do Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA), Valdivino Araújo, e da Cooperativa de Trabalho e Assistência à Agricultura Familiar Sustentável do Piemonte (Cofaspi), Leonardo Lino.

Leonardo explicou que construir uma cidade sustentável implica relacionar a ciência e a tecnologia com outros conhecimentos. “Às vezes um técnico quer modificar a prática de um agricultor familiar e isso não está de acordo com a agroecologia”, exemplificou. Agroecologia é a agricultura praticada a partir de uma perspectiva ecológica.

No segundo dia da IV Semana de Ciência e Tecnologia teve ainda a palestra “Ecoturismo e meio ambiente”, proferida pelo esportista Wescley Ameixa, que falou sobre sua experiência em esportes como rapel e tirolesa na região norte da Chapada Diamantina. A programação, que terá continuidade nesta sexta (23) é gratuita, aberta ao público externo. Mais informações: www.jacobina.ifba.edu.br

Leia também:
Chapada: Telescópios e planetário chamam a atenção de visitantes em evento do Ifba de Jacobina

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios