CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolítica

Rui Costa nega boatos sobre sua saída do Partido dos Trabalhadores

rui
O petista afirmou que o envolvimento dos partidários na Operação Lava Jato ainda não foi comprovado | FOTO: Reprodução/Secom |

Depois que começou a ser noticiado na internet, a partir de uma matéria publicada pelo site Bahia Notícias, que o governador da Bahia, Rui Costa (PT), poderia deixar o seu partido para se filiar ao PSD, a repercussão foi grande. Na última sexta-feira (6) Costa fez questão de negar publicamente que pretenda sair da sua legenda.

“Não me perguntaram (se eu realmente pretendo sair). Mas se fizessem, eu ia dizer que não tem nenhum cabimento. Não vou deixar de frequentar igreja, porque algum membro cometeu algum ilícito. Do mesmo jeito não vou deixar de acreditar na política, que é o único instrumento de mediação dos conflitos entre os seres humanos. E não vou deixar de construir o partido que eu ajudei a fundar e que transformou para melhor a vida do povo brasileiro e dos nordestinos porque tiveram algumas pessoas que cometeram erros dentro do Partido dos Trabalhadores”, disse ele para rádios de Jequié, no interior da Bahia.

O petista afirmou que o envolvimento dos partidários na Operação Lava Jato ainda não foi comprovado, mas que quem for apontado com envolvimento em irregularidades deve responder à Justiça.

“Essas pessoas estão sendo julgadas, espero que tenham amplo direito a defesa. Aqueles que provarem a inocência, vão receber a inocência. Infelizmente, mesmo quem for inocentado depois já está condenado pela imprensa e pela população. Mas isso faz parte do processo midiático no Brasil que condena as pessoas antes das pessoas serem julgadas. E quem for culpado que cumpra sua pena e pague pelo seu erro”, complementou. Com informações do BR247.

Confira áudio do governador sobre o assunto:

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios