Chapada: Mudanças em territórios municipais trazem benefícios para Andaraí; saiba mais

Postado em nov 26 2016 - 12:03am por Jornal da Chapada
capa

As cachoeiras da Invernada, Bom Jardim, Cristais e Três Barras, são grande riqueza histórico-cultural da Chapada Diamantina | FOTO: Montagem do JC/Reprodução/Tom Alves/Andaraí Oficial |

O município de Andaraí, na Chapada Diamantina, desde 2013 conta com territórios importantes para a economia local que anteriormente faziam parte de municípios como Itaetê e Nova Redenção. Inclusive, a gestão atual está desenvolvendo o Parque Municipal Rota das Cachoeiras como forma de aumentar os rendimentos com o turismo local.

Segundo nota oficial do secretário de Meio Ambiente do município, Dário Magalhães Dias, “as mudanças territoriais têm trazido grande impacto na economia local e a criação do Parque Municipal e a infraestrutura que será realizada impulsionará o desenvolvimento do turismo local com sustentabilidade e uso racional dos recursos naturais”.

O parque, que está sendo criado pela Secretaria de Meio Ambiente e Turismo de Andaraí em parceria e apoio de Instituições como a Associação de Condutores de Visitantes de Andaraí (ACVA), o Ministério Público Ambiental do Alto Paraguaçu e o Instituto de Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Bahia (Inema), através da Procuradoria Jurídica (PROJUR), está definido em uma área pertencente à micro bacia do Rio Piabas e Rio Una e que juntos integram a BH do Paraguaçu.

Leia também:
Chapada: Andaraí ‘ganha novas cachoeiras’ e deve criar Unidade de Conservação
Chapada: Cachoeira do Bocório é um dos pontos turísticos desconhecidos em Andaraí
Chapada: Cachoeiras da Califórnia e dos Pombos, gruta e história do garimpo são atrações em Igatu

Confira vídeo de trilha em cachoeiras de Andaraí:

A secretaria municipal acredita que a “área é de grande importância ambiental e turística com grande quantidade de afloramentos de lençol freático, com nascentes e olhos d’agua, cachoeiras como a da Invernada, Bom Jardim, Cristais e Três Barras, grande riqueza histórico-cultural com pinturas rupestres e ruínas garimpeiras”.

No entanto, os municípios que tiveram parte de seus territórios anexados à Andaraí se queixam da perda de poder econômico, já que o turismo ecológico nas trilhas permeadas de cachoeiras era um grande chamariz para eles. E a Unidade de Conservação pretendida por Andaraí quer justamente integrar, da melhor forma, essas novas áreas concedidas pelo governo do estado ao seu território.

Para tornar essas comunidades, como a de Lagoa da Piranha, que pertencia a Nova Redenção, mais atuantes a prefeitura de Andaraí fez manutenções em poços artesianos, cooperou com máquinas agrícolas e melhoria no sistema de irrigação desses locais para trabalho no campo, reformou vias de acesso e construiu cisternas para os moradores locais. Com esse trabalho, a expectativa é que o município possa crescer mais no cenário local e nacional do turismo sem esquecer as demandas sociais, que são de extrema importância.

Jornal da Chapada

Confira fotos de algumas cachoeiras de Andaraí:

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.