Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolítica

Chapada: ‘Governo da Reconstrução’ de Nova Redenção capacita conselheiros tutelares

foto
Formação de conselheiros contou com a presença de lideranças políticas e autoridades locais | FOTO: Divulgação |

A prefeitura de Nova Redenção, na Chapada Diamantina, do ‘Governo da Reconstrução”, por meio da Secretaria de Ação Social (SAS), está promovendo a capacitação dos conselheiros tutelares dos direitos da criança e do adolescente. O principal objetivo é capacitar os profissionais eleitos em 2016, além de reciclar os conhecimentos dos veteranos para que venham a ser reconduzidos de forma a dar-lhes noções gerais dos limites de sua atuação, além de abordar questões sobre a estrutura e funcionamento do Conselho Tutelar e dos direitos e deveres dos mandatários.

São cinco os conselheiros tutelares em nosso município: Osvaldo dos Santos Barbosa, Maria Taisa Ramos Souza, Tatiana Borges de Oliveira, Sandra Nunes Tomaz Santos e Claudete Braga Carvalho, além dos suplentes. Vale ressaltar que desde que foram eleitos, estão sendo capacitados somente agora, no governo de Guilma Soares (PT).

foto5
Conselheiros Tutelares participam de formação em Nova Redenção | FOTO: Divulgação |

Convidada para palestrar e capacitar os conselheiros, a professora e advogada Solange Pimentel acumula vasta experiência no assunto. Ela é ex-conselheira Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (Ceca); ex-coordenadora da rede de apoio e proteção à criança, o adolescente e a família, com parceria do Ministério Público estadual da Bahia, da SEC junto à coordenação da infância e juventude. Antes da apresentação do conteúdo programático da capacitação, a prefeita Guilma foi convidada a falar sobre a criação do conselho tutelar, em Nova Redenção.

“O Conselho Tutelar foi uma conquista da gestão 2006, do então prefeito Ivan Soares, hoje, líder político do município e secretário de Saúde. Foi ele quem encaminhou o projeto de implantação do conselho para a Câmara de Vereadores, quando alguns deles não aprovaram, tendo sido necessário que a secretaria de ação social se unisse ao Conselho Municipal de Ação Social (CMAS), convocando, assim, toda a comunidade redençoense para fazer manifesto em frente à Câmara de Vereadores, para, em seguida, denunciarmos a situação ao ministério público, na pessoa de Dra. Lolita que prontamente determinou que o conselho fosse finalmente implantado, comparecendo inclusive à posse dos primeiros conselheiros tutelares”.

O evento contou com as presenças da prefeita Guilma, do vice-prefeito Ademar Martins, do secretário de Saúde Ivan Soares, da secretária de ação social Gilda Meire de Oliveira, da assistente social Patrizia dos Anjos Teles, secretários e chefes de departamentos da prefeitura, presidentes de comunidades da zona rural e representantes da sociedade civil. Jornal da Chapada com informações da Assessoria.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios