CidadesCuriosidadesMenu PrincipalMundo

#Bahia: Gabinete de ACM Neto tem ex-prefeito envolvido em denúncias de corrupção

foto6
O prefeito ACM Neto e seu novo subchefe de gabinete Rosalvo Jonas Borges Sales | FOTO: Montagem do JC |

A mudança do ocupante do cargo de subchefe do gabinete do prefeito de Salvador ACM Neto (DEM) colocou em posição de destaque o ex-prefeito de Amargosa, Rosalvo Jonas Borges Sales (PV), que agora substitui Ângelo Mário Peixoto de Magalhães Neto. Rosalvinho, como é conhecido, esteve envolvido em denúncias de corrupção, fraudes em licitações e até uma cassação promovida pela Câmara de Vereadores da cidade, em 2003.

A principal delas foi um processo do Ministério Público (MP) por emissão de 1.163 cheques sem fundo em nome da prefeitura municipal. Por conta deste episódio, fornecedores de outras cidades chegaram a se recusar a receber cheques dos comerciantes locais temendo um possível golpe. O político também foi acusado de manter uma conta para recebimento de doação não declarada em campanha, o chamado ‘Caixa Dois’.

Antes de ser cassado pelos vereadores, há 14 anos, Rosalvo chegou a ser afastado pelo MP até que se concluísse as investigações. No período, o então deputado federal ACM Neto fez uma defesa enfática de Rosalvo, elogiando sua gestão e honradez. Rosalvo disputou as eleições do ano passado e tentou voltar ao comando da cidade, mas foi derrotado por Júlio Pinheiro (PT). O advogado do ex-prefeito de Amargosa disse que enviará uma resposta sobre os fatos levantados na publicação do Aratu Online. Jornal da Chapada com informações do Aratu Online.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios