#Polêmica: Deputado critica governo de Vitória da Conquista: “Está afundando a cidade”

Postado em ago 28 2017 - 5:58pm por Jornal da Chapada
foto

O deputado federal Valmir Assunção durante atividade em Vitória da Conquista | FOTO: Divulgação |

Durante agendas no município de Vitória da Conquista, neste final de semana, o deputado federal Valmir Assunção (PT-BA), fez duras críticas ao governo do atual prefeito da cidade, Herzem Gusmão (PMDB). Primeiro Assunção se reuniu com lideranças do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e, depois, com militantes petistas para um debate de conjuntura e estratégia para a continuidade do segundo semestre. “O governo golpista de Michel Temer [PMDB] parou a reforma agrária neste país. Em Conquista, seu aliado está afundando a cidade depois de 20 anos de desenvolvimento com os governos do PT”, dispara o parlamentar baiano no encontro na região do Chapadão, composta por sete diferentes assentamentos: Mutum, Cipó, Baixão, Olho D’água, Arizona (Conquista do Rio Pardo), Fábio Santos, e Lagoa e Caldeirão.

O deputado federal ainda destacou detalhes dos governos do PT anteriores, apontando para a diminuição da pobreza e da desigualdade socioeconômica. “Agora a cidade está entregue, sem serviço de saúde, infraestrutura, educação e o governo inoperante de Herzem está seguindo o mesmo caminho do governo federal”, completa Valmir. Na reunião em Vitória da Conquista com lideranças políticas da cidade para debater a política local e as conjunturas estadual e nacional, o parlamentar reafirmou que a cidade precisa de mais atenção e que vai buscar novas iniciativas para o campo continuar se desenvolvendo, mesmo com todos os entraves criados pelo governo Temer.

No encontro com a militância de Conquista, participaram, além de Valmir, o suplente de deputado estadual Mário Jacó (PT), a assessora do vereador de Salvador, Luiz Carlos Suíca (PT), Rebeca Benevides, o dirigente regional do MST, Isaías, além dos dirigentes da EPS, Weldes Queiroz e Tassio Brito. Assunção também pediu apoio para o Sudoeste seguir com atividades contra Temer e as reformas propostas por ele e sua base aliada. “Vamos precisar de cada cidadão e cidadã deste país para reverter em 2018 o atual quadro político, econômico e social que enfrentamos”.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.