#Polêmica: CGU aponta que 72,9% dos benefícios do ‘bolsa pescador’ em Xique-Xique são irregulares

Postado em out 4 2017 - 12:52pm por Jornal da Chapada
ebc

Segundo a auditoria, 66% dos entrevistados, embora indicados como exclusivamente pescadores, não exerceram a pesca no período analisado de 2013 a 2014 | FOTO: Reprodução/EBC |

O Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU) divulgou nesta quarta-feira (4) o resultado da avaliação sobre os pagamentos do Seguro Desemprego ao Pescador Artesanal (Seguro Defeso) e mostrou que há uma série de irregularidades. Um dos casos que mais chamaram a atenção está na Bahia. Na avaliação, foi constatado que dentre os beneficiários do programa conhecido como ‘bolsa pescador’ na cidade de Xique-Xique, ao menos 72,89% dos cadastrados não são pescadores.

Durante o estudo no município baiano, foram entrevistados 108 pescadores de um total de 308. Segundo a CGU, pelo menos 24,74% dos pescadores de Xique-Xique realizaram outra atividade produtiva diferente da pesca durante o período de defeso. Em todo o país, a CGU entrevistou 2.315 cadastrados no programa em 126 municípios.

Segundo a auditoria, 66% dos entrevistados, embora indicados como exclusivamente pescadores, não exerceram a pesca no período analisado de 2013 a 2014. Também chamou a atenção dos auditores o uso do programa em período eleitoral. Em setembro de 2014, houve um pico de 24,4 mil no número de novos cadastros. Em setembro de 2013, foram apenas 3.214 inscrições. As informações são do site Bocão News.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.