CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolítica

Datafolha aponta que Lula ampliou liderança e venceria em todos os cenários do segundo turno

lula
Lula lidera com folga as intenções de voto sobre Bolsonaro. Geraldo Alckmin, ainda não confirmado como candidato, fica em 4º, segundo Datafolha | FOTOS: Fabio Pozzebom/Ricardo Stuckert/Alexandre Carvalho |

Pesquisa Datafolha divulgada no último sábado (2) mostra que o ex-presidente Lula mantém a liderança da disputa presidencial para 2018 com o dobro de indicações do segundo colocado Jair Bolsonaro. A depender da relação dos concorrentes exibida aos entrevistados, Lula varia de 34% a 37% das citações e venceria todos os adversários no segundo turno. Bolsonaro obtém de 17% a 18% das intenções de voto. Mesmo em simulações sem Lula, os nomes testados do PSDB continuam sem mostrar consistência. Nestas simulações, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, aparece em terceiro (varia de 9% a 12%). O prefeito paulistano João Doria, chega a 6%.

Em um eventual segundo turno, o ex-presidente venceria Marina Silva, da Rede, por 48% a 35%, Bolsonaro por 51% a 33% e Alckmin, nome mais cotado no momento para representar os tucanos nas eleições, por 52% a 30%. Um dos nomes citados para substituir Lula, num eventual impedimento de sua candidatura, o ex-prefeito paulistano Fernando Haddad ficaria com 3%, empatado tecnicamente com Manuela D´Ávila (PCdoB, 2%). Nas simulações sem Lula, o voto em branco ou nulo sobe bastante, de 12% a 14% para de 25% a 30%. Em termos de perfil do eleitor, não há mudanças significativas em relação ao que já foi apurado até aqui. Lula tem a preferência entre mais pobres e moradores da região Nordeste.

Bolsonaro faz especial sucesso entre homens, jovens e com renda maior. O ministro Henrique Meirelles (Fazenda) deseja ser candidato, mas tem desempenho baixo hoje. Oscila entre 1% e 2% de intenções, mesmo nível de Paulo Rabello de Castro (PSC), João Amoêdo (Novo) e Guilherme Boulos (cortejado pelo PSOL). Rabello de Castro é o atual presidente do BNDES e apareceu no programa partidário na TV, há duas semanas, como pré-candidato. O Datafolha ouviu 2.765 eleitores em 192 cidades entre 29 e 30 de novembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Confirmação
Pesquisa recente CUT/Vox Populi havia captado tendência parecida: a liderança folgada de Lula e a consolidação de Bolsonaro em segundo lugar. No levantamento realizado entre 27 e 30 de outubro, o ex-presidente somava 42% das intenções de votos e Bolsonaro chegava a 16%. Os demais presidenciáveis oscilavam em percentuais bem decepcionantes. Igualmente o petista venceria todos os adversários no segundo turno. A enquete do Vox Populi incluiu o apresentador de tevê Luciano Huck, que ainda não havia anunciado a sua recusa em concorrer à presidência da República. Huck foi citado por 2% dos entrevistados. Extraído do site Rede Brasil Atual com informações da Carta Capital, Fórum e Portal Vermelho.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios