#Polêmica: Temer nomeia ex-advogado de Cunha para o comando no Ministério dos Direitos Humanos

Postado em fev 20 2018 - 11:09am por Jornal da Chapada
civil

Rocha é subchefe de assuntos jurídicos da Casa Civil e atuou como advogado do ex-deputado Eduardo Cunha – que segue preso por corrupção | FOTO: Geraldo Magela/Agência Senado |

Foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira (20) a exoneração da ministra dos Direitos Humanos, Luislinda Valois. No mesmo decreto, o presidente Michel Temer nomeia Gustavo do Vale Rocha para ocupar, de forma interina, o cargo. Rocha é subchefe de assuntos jurídicos da Casa Civil e atuou como advogado do ex-deputado Eduardo Cunha – que segue preso por corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa. De acordo com o governo, ele acumulará as duas funções.

Luislinda Valois estava no posto desde fevereiro de 2017, quando Temer editou uma medida provisória dando status de ministério à Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial do Ministério da Justiça. Valois era o penúltimo nome do PSDB no governo Temer, desde que o então ministro das Cidades, Bruno Araújo, e o da Secretaria de Governo, Antônio Imbassahy, pediram exoneração no fim do ano passado.

O ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes, que também é tucano, continua no cargo. O motivo da exoneração não foi informado pelo Palácio do Planalto. O decreto também não especifica se a saída foi a pedido da ex-ministra ou não. Com informações da Agência Brasil.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.