Chapada: Áudio propagado na internet compromete vereadores em Ibicoara; atribuição é negada

Postado em abr 26 2018 - 4:11pm por Jornal da Chapada
capa23

O Jornal da Chapada tentou conversar com todos os citados e com os supostos autores do áudio, mas apenas conseguiu falar com o edil Hailton, que negou categoricamente a autoria; ele disse que já iniciou investigação para descobrir de onde saiu a fraude | FOTO: Montagem do JC/Divulgação |

Um áudio atribuído a uma conversa entre os vereadores de Ibicoara, município da Chapada Diamantina, Hailton Araújo da Silva (PSC), o popular ‘Nego Tim’, e João Caires Brito (PSL), mais conhecido como ‘João do Bode’, deixou a população local revoltada. No diálogo, vazado em grupos de mensagem instantânea na internet, dois interlocutores debatem o pedido de favorecimentos políticos por votarem projetos.

O presidente da Câmara Municipal, Adão Assunção dos Santos (PTB), é citado no áudio. “Antes da sessão temos que conversar com o presidente: E aí? Nós vai [sic] votar o projeto e cadê nossa colaboração?”. A conversa dá a entender que Adão estaria agindo de forma diferente com os dois e precisaria ser tratado de modo diferente também.

A gravação ainda cita o nome de outros vereadores de Ibicoara, que receberiam os projetos de interesse para aprovação. A equipe de reportagem do Jornal da Chapada tentou conversar com todos os citados e com os supostos autores do áudio, mas apenas conseguiu falar com o edil Hailton.

O político disse que ficou sabendo do áudio, nesta quinta-feira (26), pouco antes do nosso contato, e negou que a voz do áudio vazado seja dele. “Quero deixar claro que isso não existiu, foi algo feito para me prejudicar politicamente”, contou Hailton. Ele afirmou que já está com um investigador particular para desvendar quem foi o autor do áudio. Disse também que iria ainda nesta quinta à Delegacia de Polícia prestar queixa.

“Foi uma imitação bem feita. A pessoa estudou minha voz e fez esse áudio. Nunca aconteceu isso na minha vida – a troca de votos por favores políticos”, afirmou o edil. Ele disse ter achado que se tratava de uma montagem. “Tenho pouco contato com João, participamos de um grupo dos vereadores, nos encontramos nas sessões, mas cada qual tem seu partido, suas ideias”, disse Hailton. Segundo ele, o vereador Benício Souza Barbosa (PSL) passou pelo mesmo problema durante a gestão passada.

Jornal da Chapada

Ouça o áudio aqui

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

1 Comentário Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.