Oposição lamenta número de dois mil homicídios na Bahia em três meses e destaca omissão e falta de gestão

Postado em jun 4 2018 - 5:00pm por Jornal da Chapada

O deputado Luciano Ribeiro cita as carências do estado em outras áreas e os baixos investimentos em educação e saúde | FOTO: Reprodução/Olhar Direto |

“O número de dois mil homicídios na Bahia, nos últimos meses, dado revelado nesta segunda-feira (4) pelo Mapa da Violência aponta para uma situação lamentável que a oposição vem denunciando há muito tempo no estado”, diz o líder da Bancada na Casa, deputado estadual Luciano Ribeiro (DEM). Contudo, para o deputado, ainda que esse número seja assustador, infelizmente ainda não é o real, já que a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) não apresentou o quadro de todos os últimos meses, faltando entregar ao centro de pesquisas os dados de janeiro e fevereiro.

“O governo infelizmente tem sido omisso em relação, a violência e não age com transparência na gestão da segurança pública no estado. Não houve uma mudança concreta na política de segurança nos últimos anos e o medo da população aumenta a cada ano”, ressalta.

O deputado cita os baixos salários dos policiais, a ausência de medidas de combate, a exemplo da falta de um efetivo mais presente nas ruas dos grandes centros e de mais reforço nos territórios, ação que inibiria a migração de facções. Além disso, Luciano cita as carências do estado em outras áreas e os baixos investimentos em educação e saúde. Os dados sobre homicídios foram divulgados pelo portal G1, em parceria com o Núcleo de Estudos da Violência da USP e do Fórum Brasileiro de Segurança Pública. As informações são de assessoria.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.