Chapada: Policiais desarticulam falso sequestro de filho que queira extorquir o pai em Ruy Barbosa

Postado em maio 10 2019 - 3:44pm por Jornal da Chapada

Lucas, Matheus (suposto sequestrado e filho da vítima) e Iago foram presos em flagrante por policiais civis e militares; eles queria extorquir R$500 mil do pai de Matheus | FOTO: Montagem do JC/Cipe-Chapada |

Três homens foram presos em flagrante por policiais civis e militares pelos crimes de extorsão, estelionato, organização criminosa e comunicação falsa de crime, na última quinta-feira (9), no município de Ruy Barbosa, na Chapada Diamantina. É que foi comunicado um falso sequestro na tentativa de extorquir um senhor de 60 anos, identificado como Dorival de Castro Macêdo, em mais de meio milhão de reais. Inclusive, foi ele mesmo que acionou a polícia para informar que seu filho Matheus Meireles Macêdo, de 29 anos, estaria em cárcere privado.

Matheus é um dos três presos na operação pela polícia. Junto com ele foram detidos ainda Iago Alcântara de Macedo, 25 anos, e Lucas Barbosa Ribeiro, de 29, conhecido por ‘Lucas do Pulo do Bode’. Tudo começou com a denúncia de Dorival. “De imediato, foi constituído um ‘gabinete de crise’, chefiado pela delegada civil Cláudia Bensabach, titular da delegacia de polícia em Ruy Barbosa com apoio operacional da Companhia Independente de Policiamento Especializado [Cipe-Chapada] e do 11° Batalhão da PM”, aponta texto da Cipe-Chapada.

De acordo com informações enviadas ao Jornal da Chapada, por volta das 20h da quinta, após liberação da vítima, as guarnições da PM (Cipe-Chapada e 11° BPM) e o serviço de investigação da delegacia de Ruy Barbosa localizaram dois indivíduos apontados por Matheus como os perpetradores da crise. Entretanto, “após oitivas dos envolvidos, a polícia percebeu as incongruências da versão da suposta vítima e as versões dos supostos sequestradores”. Todos os três, Lucas, Matheus e Iago, foram presos em flagrante pelos crimes de extorsão, estelionato e comunicação falsa de crime.

“Depois de 8h do falso sequestro, marcamos um ponto da cidade para entrega do dinheiro pedido”, contou a delegada titular de Ruy Barbosa, Cláudia Bensabach. “Matheus é um conhecido da polícia, pois responde a processos por homicídio, tentativa de homicídio e porte ilegal de arma de fogo”, completou a delagada.

Jornal da Chapada

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.