Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesMenu PrincipalSaúde
Trending

Corpo de Bombeiros da Bahia já retirou 40 toneladas de óleo no Litoral Norte

Uma equipe de 85 bombeiros tem atuado de maneira ininterrupta na retirada do material que continua chegando nessa região desde o dia 14 de outubro.

Cerca de 40 toneladas de óleo foram recolhidas pelo Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA) nas praias de Lauro de Freitas e do Litoral Norte, até esta terça-feira (29). Uma equipe de 85 bombeiros tem atuado de maneira ininterrupta na retirada do material que continua chegando nessa região desde o dia 14 de outubro.

“Nossas equipes estão se dividindo em grupos para atender às praias mais afetadas até o momento, que foram Conde, Imbassaí, Porto Sauípe, Subaúma, Baixio, Ilhéus e Cairu. Em breve nós também estaremos atuando nas praias do extremo sul da Bahia, Ilha de Itaparica e Baixo Sul”, explica o responsável pela operação, o tenente-coronel Lanusse Araújo.

A Defesa Civil do Estado tem disponibilizado equipamentos de proteção nas prefeituras | FOTO: Elói Corrêa/GOVBA |

Ainda de acordo com o tenente-coronel, para evitar que novos acidentes aconteçam, após recolhido, o material é acondicionado em embalagens. “Os resíduos encontrados nas praias são armazenados em big bags para serem destinados para um local adequado, que ainda será definido por especialistas, onde serão descartados de maneira apropriada”.

A Defesa Civil do Estado tem disponibilizado equipamentos de proteção nas prefeituras de cada município para que voluntários interessados em ajudar possam ter acesso aos EPIs que são obrigatórios e necessários para o recolhimento do óleo com segurança.

Além do CBMBA e da Defesa Civil, o Instituto Do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) também trabalha na limpeza das praias. As informações são de assessoria.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios