CidadesCuriosidadesMenu PrincipalSaúde
Trending

#Bahia: Com laudo inconclusivo, turista mineiro com manchas no corpo após banho de mar recebe alta

A intoxicação por óleo já tinha sido descartada e Anderson Gabriel recebeu alta sem que o laudo apontasse o motivo das manchas e mal-estar.

O turista de Minas Gerais que está com manchas no corpo desde que tomou banho de mar em uma praia de Ilhéus, na Bahia, recebeu alta na última segunda-feira (11). Anderson Gabriel Miranda, de 38 anos, estava internado no Hospital Regional Costa do Cacau desde o dia 4 de novembro, após sentir mal-estar com vômitos e náuseas. Apesar da alta, o laudo com as causas das manchas e do mal-estar é inconclusivo. No relatório de alta, no item “suspeita diagnóstico”, a situação do paciente é relatada com uma interrogação e está escrito: “Dermatite alérgica de contato devida a outros produtos químicos?”.

“Não podemos cravar o que ocorreu. Todos os exames que deram positivo para a outra paciente deram negativo para ele”, disse o secretário de Saúde de Ilhéus, Geraldo Magela. O titular se refere ao caso da ativista ambiental Claudia Santana. Ela passou mal após trabalhar como voluntária recolhendo substâncias nas praias do município. Conforme o secretário de saúde Geraldo Magela, o exame da ativista ambiental deu positivo para intoxicação por óleo. No caso de Claudia, os sintomas foram de dor de cabeça, dor no estômago e enjoo.

Relatório de alta do turista mineiro que teve manchas no corpo após tomar banho de mar em Ilhéus | FOTO: Arquivo Pessoal/G1 |

Turista mineiro
A secretaria já havia descartado a intoxicação por óleo, mas o turista seguiu em observação no hospital e passou por exames com vários especialistas. O hospital resolveu mantê-lo internado por precaução para evitar uma possível intoxicação. Ainda com as manchas pelo corpo, Gabriel conta que vai voltar para Minas Gerais até quarta-feira (13) e, em seguida, procurar tratamento para as manchas.

“Eu não sinto mais náuseas, nem nada, só minha pressão que ainda tem picos. Hoje eu fui na farmácia depois do almoço e minha pressão estava 17/10. Eu nunca tive problema de pressão, apresentei esse problema agora. Minha pele ainda está bem vermelha e sinto coceira”, contou.

Anderson, que é empresário e veio para a Bahia em período de férias, disse que a situação não o traumatizou e que ele tem muito carinho pelo nordeste. “Há uns quatro anos meu tio comprou esse apartamento aqui [em Ilhéus] e desde então a gente sempre vem pra cá. Na segunda-feira, quando fui para o hospital, meu plano era ir para Morro de São Paulo, depois Maceió e depois Fortaleza, mas não aconteceu. Eu vou continuar vindo aqui”, disse. Com informações do G1.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas