Pular para a barra de ferramentas
CidadesCulturaCuriosidadesMenu Principal
Trending

#Chapada: Itaberaba, Seabra e Piritiba estão na lista das 10 cidades baianas que cancelaram os tradicionais festejos juninos

A medida foi tomada em comum acordo entre os prefeitos das 10 cidades famosas do interior por seus eventos de São João.

Oficialmente e por decisão unânime, 10 municípios baianos que realizam tradicionais eventos de São João decidiram, nesta terça-feira (7), cancelar os festejos de 2020. A decisão é em função da pandemia do novo coronavírus (Covid-19) e do quadro de incertezas que está por vir, uma vez que para o controle da infecção a única ‘vacina’ é o isolamento social. Os municípios chapadeiros que decidiram pelo cancelamento foram Itaberaba, Seabra, Piritiba e Irecê, que fica na Chapada Velha.

Outras cidades como Cruz das Almas, Santo Antônio de Jesus, Amargosa, Senhor do Bonfim, Miguel Calmon e Ibicuí também concordaram com a não realização dos eventos juninos. A decisão não é novidade, todos os esforços estão voltados para o combate e prevenção ao coronavírus.

O São João de Itaberaba é um dos mais tradicionais da região | FOTO: Arquivo/Secom |

A necessidade de direcionar os recursos disponíveis ao enfrentamento da doença Covid-19 também é uma forte justificativa, tendo em vista que a pandemia tem impactado diretamente na economia e o convívio social. “Decisão difícil, mas a saúde do ser humano está em primeiro lugar”, frisa o prefeito de Itaberaba, Ricardo Mascarenhas.

No dia 26 de março, o governador da Bahia Rui Costa (PT) ressaltou, em entrevista, que “achava difícil fazer São João este ano” por conta da pandemia em todo o mundo. “Não tomamos a decisão ainda. Vamos esperar um pouco, até final de abril, para tomar uma decisão. Mas a princípio, acho difícil que a gente consiga reunir multidões em todo o estado”, disse o governador Rui Costa em entrevista à TV na Bahia.

Apesar do controle e medidas adotas por todo o estado a Bahia enfrenta mais de 430 casos confirmados, 11 mortes e esses números seguem subindo. A taxa de letalidade do vírus é de 2,28%, conforme informações divulgadas diariamente pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesab).

Jornal da Chapada

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios