Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesEducaçãoMenu PrincipalTop
Trending

#Chapada: Aulas em Tanhaçu seguem suspensas até 20 de junho; prefeito obriga servidores a trabalhar nas escolas

O diretor regional da APLB-Sindicato aponta que o prefeito está obrigando os servidores da educação a irem trabalhar nas escolas.

As aulas da rede municipal de Tanhaçu, na Chapada Diamantina, seguem suspensas até o dia 20 de junho, conforme decreto emitido pela prefeitura. Mas o diretor regional da APLB-Sindicato, César Nolasco, aponta que o prefeito Jorge Teixeira Rocha (DEM) está obrigando os servidores da educação a irem trabalhar nas escolas.

“Mesmo com as aulas suspensas, desde o dia 20 de abril os servidores da educação estão indo às escolas se expondo ao vírus”, informou o sindicalista ao site Achei Sudoeste. Nolasco afirmou ao site que encaminhou ofício à administração pedindo esclarecimentos sobre o caso, mas não houve nenhuma resposta.

O diretor aponta que o mesmo decreto do prefeito determina o fechamento do comércio, o funcionamento apenas dos serviços essenciais, e recomendou isolamento social.

“Ora, se a educação não é setor essencial, e o decreto suspendeu as aulas até o dia 20 de junho para proteger a comunidade escolar como um todo, porque os funcionários continuam indo para a escola? Fazer o que em um momento de recesso escolar? O prefeito é médico, ele sabe dos riscos”, frisa Nolasco. Jornal da Chapada com dados do Achei Sudoeste.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios