Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesEditorialMenu Principal
Trending

#Polêmica: Pré-candidato a prefeito de Salvador, Magno Lavigne condena exclusão de seu nome em pesquisa

Sobre os dados da pesquisa, o pré-candidato da Rede avalia que “há um esforço muito grande para fazer parecer imbatível o candidato do governo municipal”.

O porta-voz estadual da Rede e pré-candidato a prefeito de Salvador, Magno Lavigne, condenou a não inclusão do seu nome em levantamento sobre a sucessão municipal realizado pelo Instituto Paraná Pesquisas, em parceria com o site Bahia Notícias, divulgada na manhã desta quinta-feira (21).

A Rede reafirma a pré-candidatura de Magno Lavigne à prefeitura de Salvador, anunciada desde do final do ano passado, assim como a disposição de construir alianças com outros partidos, a exemplo do Podemos presidido na Bahia pelo deputado federal e também pré-candidato a prefeito da capital baiana, Bacelar.

“Esse instituto vem, seguidamente, fazendo sondagens e excluindo propositalmente a nossa pré-candidatura. Isso demonstra, no mínimo, má vontade por parte do Instituto Paraná Pesquisas”, afirma Magno Lavigne.

Sobre os dados da pesquisa, o pré-candidato da Rede avalia que “há um esforço muito grande para fazer parecer imbatível o candidato do governo municipal”. “Enquanto todos estão parados por conta da pandemia, o vice-prefeito Bruno Reis está na mídia todo dia”, disse Lavigne, ao salientar que “ao colocar o deputado federal Sargento Isidório como o segundo colocado, isolado, tentam estabelecer o melhor cenário de disputa para o lado governista”.

Ainda segundo Lavigne, “tentar tornar invisível movimentações políticas reais, fincadas em bandeiras próprias, é uma das formas sorrateiras que a velha política usa para manter as castas no poder. Mas, como disse o poeta, o novo sempre vem”. As informações são de assessoria.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios