Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesMenu PrincipalTop
Trending

#Polêmica: Rui diz que publicação de Bolsonaro é fake; Otto expõe quem criou a falsa informação sobre o Hospital Espanhol

O presidente da República teria levado a 'falsa denúncia' ao então ministro da Justiça Sergio Moro contra os adversários baianos.

Uma denúncia contra o governador da Bahia, Rui Costa (PT), e os senadores Otto Alencar (PSD) e Angelo Coronel (PSD) foi encaminhada ao então ministro da Justiça Sergio Moro por Jair Bolsonaro. No entanto, o presidente, que deixou claro sua vontade de interferir na Polícia Federal, teria usado fakes news para fazer a denúncia contra os adversários. É o que diz o governador Rui Costa ao se defender das acusações de Bolsonaro.

Segundo as informações difundidas e rebatidas pelos políticos baianos, a administração do Hospital Espanhol, reaberto para receber vítimas de covid-19, foi entregue a uma empresa do filho de Otto Alencar, o deputado federal Otto Filho. Já as refeições ficariam a cargo de uma empresa de Coronel, a um preço seis vezes maior que o normal. O texto chega a citar o secretário de Saúde, Fábio Vilas-Boas, mas com o sobrenome errado, ‘Dantas’. Rui Costa chegou a desmentir o assunto.

“É falsa a notícia de que reabertura do Hospital Espanhol, em Salvador, beneficiaria financeiramente a família do senador Otto Alencar. Além do senador, seu filho, o deputado federal Otto Filho, não possui qualquer relação com o Instituto Nacional de Tecnologia e Saúde (INTS), bem como nenhum de seus familiares, ou mesmo qualquer outra entidade de gestão na saúde que tenha participado da licitação para a reabertura do hospital. Otto Alencar acionou a Comissão Parlamentar Mista de Inquérito que investiga os ataques cibernéticos, conhecida como CPI das Fake News, para identificar os responsáveis e também pediu a abertura de inquérito para investigar as notícias falsas, além de processos civil e criminal contra os infratores”, disse.

Otto Alencar expõe quem criou a falsa informação sobre o Hospital Espanhol
O autor da Fake News compartilhada pelo presidente Bolsonaro ao ex-ministro Moro, foi identificado. Ernando Peixoto é o nome do responsável, segundo informou o senador baiano Otto Alencar (PSD). Conforme ele, Ernando é uma figura conhecida nas manifestações na capital baiana em apoio a Bolsonaro. Em 2016, o bolsonarista chegou a tentar uma vaga na Câmara Municipal de Salvador (CMS) pelo PMB.

Nas redes sociais, o autônomo também demonstrou ser um ferrenho defensor do vereador Cézar Leite (PRTB), pré-candidato à Prefeitura. “Doutor Cézar Leite, nosso futuro prefeito, com Ernando Peixoto, nosso futuro vereador de Salvador”, escreveu em uma publicação. A mensagem divulgada por Ernando, conforme anunciou Otto, chegou também no Palácio de Ondina. O governador Rui Costa (PT) condenou Bolsonaro pelo compartilhamento.

“Lamentável. Tenho confiança que os responsáveis pelo esquema criminoso de divulgar mentiras e calúnias serão identificados e punidos”, disse o chefe do Executivo baiano, ao se referir ao anúncio que circulou nas mídias sociais. Jornal da Chapada com dados da site Política Livre.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios