CidadesCuriosidadesEconomiaMenu PrincipalTop
Trending

#Chapada: Brotas de Macaúbas lidera entre os municípios que mais cresceram no Estado em 2021

Em segundo lugar aparece Luis Eduardo Magalhães e em terceiro Camaçari.

A cidade de Brotas de Macaúbas, localizada na Chapa Diamantina, se destaque entre os municípios que mais cresceram em contingente populacional na Bahia neste ano, conforme o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em segundo lugar aparece Luís Eduardo Magalhães, no Centro-Sul baiano, e em terceiro, Camaçari, que fica na Região Metropolitana de Salvador (RMS).

Brotas estava com 10.130 habitantes em 2020 e passou a ter 10.705 neste ano, com variação de 5,68%. LEM, por sua vez, passou de 90.162 para 92.671, com variação de 2,78%. Já Camaçari, passou de 304.302 para 309.208, com variação de 1,61%.

Contudo, a lista não é baseada em censo ou pesquisa e foi construída pelo IBGE nas Estimativas das Populações que, por lei, precisam ser divulgadas anualmente. Para definição do ranking, o IBGE fez uma projeção através de um cálculo que é baseado na tendência de crescimento apresentada pelos municípios nos últimos censos demográficos e no quantitativo geral da população da Bahia.

Este cálculo deu destaque ao município chapadeiro, no qual entre os 417 municípios, foi o que mais cresceu em contingente populacional neste ano, com uma variação de 5,8%, que foi influenciada por uma vitória da cidade no Supremo Tribunal Federal (STF) pelo anexamento de comunidades que antes não a pertenciam e o movimento contínuo de retorno das pessoas que deixaram Brotas rumo a grandes metrópoles no passado.

Em contrapartida, nas cidades que mais perderam cidadãos ao longo do ano, segundo o cálculo matemático que usa os censos de 2000 e 2010 e a população projetada do estado em 2018 para gerar a tendência de crescimento, quem se destaca é Maetinga, que teve uma redução na população de 13,68% no levantamento, seguida por Ribeirão do Largo com 8,37% de encolhimento e Barra do Mendes com 5,10% de queda.

No fim de 2020, 2.764 cidadãos residiam em Maetinga. Agora, o número caiu para 2.386 e manteve a cidade como a menor em população de toda a Bahia. Em Ribeirão do Largo, a queda foi menor em porcentagem e maior em números totais; saiu de 5.343 para 4.896. Já em Barra do Mendes, eram 13.833 moradores e, agora, são 13.128. Jornal da Chapada com informações de texto de base de Correio 24 horas.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios