CidadesCuriosidadesEconomiaMenu Principal

Embasa tem 30 dias para apresentar relato de danos causados por adutora em Salvador

foto
Prazo foi estabelecido pelo Procon em reunião realizada nesta segunda | FOTO: Reprodução |

A Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) estabeleceu um prazo de 30 dias para que a Empresa Baiana de Água e Saneamento (Embasa) apresente um levantamento dos danos causados pelo rompimento da adutora localizada na BR-324, em Salvador, no dia 1º de abril. Diversos bairros da capital baiana ficaram sem água até que uma nova rede de distribuição foi implantada. Nesta segunda-feira (13), o Procon promoveu uma reunião entre Embasa e a CCR Metrô Bahia com o objetivo de buscar esclarecimentos sobre as medidas que deverão ser tomadas pelas empresas. O Procon divulgou nota informando que, com o levantamento que deverá ser realizado pela Embasa, serão adotadas ações de atenuação e reparação dos danos causados.

A assessoria de comunicação da Embasa informou que não teve conhecimento da reunião. Já a CCR Metrô Bahia não atendeu as ligações. Com o problema no abastecimento, moradores recorreram a bicas, fontes e água de chuva. Pelo menos 120 localidades da capital baiana foram afetadas. De acordo com a Embasa, o serviço de implantação da nova adutora foi concluído na terça-feira (7) e o abastecimento normalizado no final de semana. Do Portal G1.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas