Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolícia

Ipirá: Jovem militante do Psol acusa policial militar de agressão durante abordagem

foto1
Iago Gomes já registrou boletim de ocorrência contra o policial que o agrediu na Polícia Civil e na Corregedoria de Feira de Santana | FOTO: Divulgação |

O jovem militante do Psol, Iago Gomes, de 23 anos, acusa policiais militares de agressão física no início do mês de agosto, no município de Ipirá, no centro norte da Bahia. De acordo com informações enviadas ao Jornal da Chapada, Gomes foi abordado com extrema violência e aponta que um policial começou a agredi-lo com o cassetete sem motivo algum. Conforme relato, o policial não pediu nenhuma documentação de identificação e já partiu para a agressão física. Iago ficou com vários hematomas no corpo.

foto2
O jovem ficou com vários hematomas no corpo | FOTO: Divulgação |

Ainda de acordo com informações, Iago reside em Feira de Santana e foi passar o final de semana na casa da família em Ipirá, onde participou de um debate durante o dia sobre a saúde pública da região. Na madrugada do sábado (1), ao voltar de uma festa de aniversário, foi abordado por um carro da Polícia Militar em frente à casa de sua família.

“O policial já veio me agredindo verbalmente e fisicamente. Ele disse: você não é contra a ditadura militar? Você agora vai ver o que é a ditadura militar. Sua putinha”, narra o jovem. Iago Gomes acredita que a agressão foi motivada por fatores políticos. O jovem possui um blog no qual publica textos sobre a política e a situação socioeconômica do município. “Sou escritor e literário. Escrevo alguns textos de oposição à gestão municipal. Os policiais quando fizeram a abordagem comigo já sabiam quem eu era e quais eram minhas posições políticas”, frisa.

Gomes é formado em Letras, estudante do curso de Filosofia da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) e trabalha como professor do projeto Universidade Para Todos, do governo estadual, e não possui nenhuma passagem pela polícia. O jovem já registrou boletim de ocorrência contra o policial que o agrediu na Polícia Civil e na Corregedoria de Feira de Santana e vai entrar com processo penal e civil por danos morais e materiais.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios