CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolítica

Governo quer fortalecer território e consolidar agricultura familiar na Chapada Diamantina

foto6
A agenda aconteceu no município de Seabra e foi promovida pela Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural | FOTO: Divulgação/Mariana Miranda/SDR |

A parceria entre membros dos Colegiados Territoriais e Consórcios dos Prefeitos, para impulsionar ações que consolidem o desenvolvimento econômico do meio rural na Bahia, foi tema da reunião promovida pela Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR). Desta vez, a agenda aconteceu nesta quinta-feira (24), no município de Seabra, situado no Território de Identidade da Chapada Diamantina, e contou com a presença do secretário Jerônimo Rodrigues, do diretor da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Wilson Dias, de membros do Colegiado Territorial da Chapada Diamantina, do Consórcio Chapada Forte, Coordenação do Núcleo de Extensão em Desenvolvimento Territorial (NEDET/ IFBA) e da sociedade civil.

O secretário de Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues, salientou o desafio desses agentes para fortalecer a rede territorial e consolidar a agricultura familiar na região. “O Território da Chapada Diamantina vivencia um momento de alinhamento das ações estratégicas entre colegiado e consórcio no sentido de aperfeiçoar a execução das políticas públicas, fortalecer a gestão das suas instituições e entidades, para a gestão pública e empreendedorismo econômico”.

Geisa Gabriele Neva Silva, coordenadora do Colegiado Territorial, destacou a parceria enquanto estratégia fundamental para apresentar os potenciais da região. “Estamos engajados, articulando ações estratégicas entre sociedade e poder público para o aprimoramento do desenvolvimento territorial e fortalecimento da agricultura familiar. Esse alinhamento nos permitirá favorecer nossos agricultores familiares, potencializado o acesso qualificado às politicas públicas”.

O presidente do Consórcio Chapada Forte e prefeito de Andaraí, Wilson Cardoso afirma que, por meio de ações articuladas, a sociedade será ainda mais beneficiada. “Nossa rede está sendo fortalecida por meio desta importante parceria no sentido de buscar recursos em todas as instâncias, organizando toda cadeia produtiva e o potencial de cada município”.

Para Wilson Dias, diretor da CAR, a expectativa é que a rede territorial crie uma competência local para atrair e acessar recursos públicos de editais, programas e projetos. “O Território da Chapada Diamantina tem cadeias produtivas importantes a exemplo do café, cana, turismo, fruticultura. Nessa região haverão investimentos do Bahia Produtiva, que incrementarão o desenvolvimento.”

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios