Tribunal rejeita apelação da CBF e Neymar segue suspenso por dois jogos

Postado em out 2 2015 - 9:00pm por Jornal da Chapada
foto

O atacante foi punido por conta da confusão após a derrota da seleção brasileira para a Colômbia, pela Copa América, e não atuará na estreia do Brasil nas Eliminatórias | FOTO: Reprodução |

A tentativa da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) em tentar reverter a suspensão de quatro jogos imposta ao atacante Neymar não teve um desfecho feliz para o lado brasileiro. O Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) indeferiu a apelação da entidade, que buscava reduzir a pena imposta ao craque para dois jogos, o que tornaria possível a participação do craque na estreia da seleção brasileira pelas Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo de 2018, na Rússia, diante do Chile, na próxima quinta-feira (8).

Neymar foi punido com quatro jogos de suspensão por conta da confusão na derrota da seleção brasileira para a Colômbia por 1 a 0, na Copa América. O atacante já cumpriu duas partidas e por conta disso ficará fora dos dois primeiros jogos do escrete canarinho pela competição sul-americana. De acordo com a CBF, a intenção na ação não era reverter a pena aplicada a Neymar, mas sim, provar que o regulamento da Copa América não estava sendo cumprido, já que segundo o documento da Conmebol, a punição seria estendida para a outra edição da Copa América e não pelas Eliminatórias.

O artigo em questão é o 112, cláusula 2, item D, do Regulamento Disciplinar da Conmebol, que afirma que “uma suspensão que não se possa cumprir durante a Copa América se estenderá automaticamente à Copa América seguinte”. As informações são do site Esporte Interativo.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.