Carência de policiais rodoviários federais ameaça segurança nas estradas, diz deputado

Postado em fev 17 2016 - 5:54pm por Jornal da Chapada
foto6

O deputado Carlos Geilson | FOTO: Divulgação |

O Brasil está carente de policiais rodoviários federais. Quem alertou para a situação foi o deputado estadual Carlos Geilson (PSDB), em pronunciamento na Assembleia Legislativa da Bahia, nesta quarta-feira (17). De acordo com o parlamentar, o último concurso para a Polícia Rodoviária Federal foi realizado em 2013, para mil vagas, e todas elas já foram preenchidas. Estima-se que hoje a PRF necessite de no mínimo, 1.500 policiais, para amenizar esse problema vivido em todo o Brasil e, claro, na Bahia também.

“A situação é tão preocupante que os próprios policiais pedem que a gente não diga exatamente onde há mais carência de pessoal, porque isso seria chamar a atenção dos bandidos para a fragilidade da PRF”, frisa Geilson. E a insegurança pode piorar! Há uma previsão também de que nos próximos dois anos, a PRF tenha uma redução de quatro mil policiais, em razão de aposentadorias, afastamentos por uma série de fatores etc.

“A Polícia Rodoviária Federal é uma instituição que presta grandes serviços a este País e não pode continuar sendo tratada dessa forma. Ao contrário, deveria ser muito bem montada, bem estruturada, porque há milhares de quilômetros de estradas federais que precisam de fiscalização, precisam de policiamento”, avaliou Carlos Geilson.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.