#Brasil: Aeroportos alertam falta de combustível para operarem nos próximos dias

Postado em maio 24 2018 - 11:43am por Jornal da Chapada

O Aeroporto de Brasília, no entanto, informou também que não há combustível suficiente para operação regular do terminal aéreo | FOTO: Reprodução/Jornal de Brasília |

A Infraero alertou na última quarta-feira (23) que ao menos cinco aeroportos do país só tinham combustível para quarta. Isso aconteceu em decorrência dos protestos dos caminhoneiros contra a alta dos combustíveis. Entre os aeroportos estão Congonhas, em São Paulo, e os de Recife, Palmas, Maceió e Aracaju. Congonhas é um dos três aeroportos mais movimentados do país, onde está a rota de maior circulação de passageiros, a ponte aérea Rio-São Paulo.

O Aeroporto de Brasília, no entanto, informou também que não há combustível suficiente para operação regular do terminal aéreo. Por isso, apenas aviões com capacidade para decolar sem a necessidade de abastecimento em Brasília podem pousar no terminal. De acordo com a Infraero, outros seis aeroportos têm combustível para no máximo dois dias: Goiânia (Goiás), Teresina (Piauí), Campo Grande (Mato Grosso do Sul), Ilhéus (Bahia), Foz do Iguaçu (Paraná) e Londrina (Paraná).

Após a reunião com os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil), Carlos Marun (Secretaria de Governo) e Valter Casimiro (Transportes), o presidente da Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos (CNTA), Diumar Bueno, afirmou que o governo não apresentou uma proposta concreta e decidiram manter a greve. Michel Temer disse ter pedido uma “trégua” de dois a três dias para oferecer uma “solução concreta” à categoria. Jornal da Chapada com informações de Brasil 247.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.