Chapada: Após mau pressentimento, marido de uma das vítimas de acidente em Seabra desistiu de viajar

Postado em jan 4 2019 - 7:51pm por Jornal da Chapada

Vinte e uma pessoas seguem internadas em Seabra; PRF diz que alguns passageiros do micro-ônibus estavam sem cinto de segurança no momento do trágico acidente | FOTO: Montagem do JC/Blog Liberdade Bom Sucesso |

Renaldo de Souza Lima, marido de uma das seis vítimas que morreram no acidente envolvendo uma carreta e um micro-ônibus, na BR-242, região da cidade de Seabra, na Chapada Diamantina, deu um depoimento comovente para o site G1. Em texto publicado nesta sexta-feira (4), ele teria dito: “O que eu tenho para dizer é que as palavras são poucas, porque eu não aguento. São todos parentes, a gente está sofrendo muito”. O grupo foi para a cidade de Pirenópolis, no estado de Goiás, onde encontraram parentes e amigos para passar a virada de ano.

Momentos antes do acidente, os passageiros fizeram uma selfie. Renaldo disse ainda que não viajou com a família após ter mau pressentimento. “Meu coração pediu que eu não fosse. Eu também senti por eles, que não era boa essa viagem, que já viajaram no ano passado, só que eles tinham vontade e eu não queria atrapalhar a vontade deles”, disse Renaldo. “Ame o próximo enquanto há vida. Respeite o próximo. O mais importante é amar o próximo e respeitar enquanto há vida, porque quando você perde é muito doloroso. Todos nós um dia vamos passar por isso, porque foi determinado por Deus”, disse ele.

O Hospital Regional da Chapada, em Seabra, para onde 22 das vítimas feridas foram levadas, não quis dar informações sobre o estado de saúde dos pacientes nesta sexta. O pai de uma das vítimas, que estava no local, informou que a jovem, de prenome Érica, será transferida para Salvador porque sente fortes dores no pescoço. Ele não soube informar para qual hospital ela deve ser levada. Érica é mãe do menino de 3 anos que está internado no Hospital do Subúrbio.

Além da esposa, Angeline da Silva Sosta, de 33 anos, Renaldo perdeu também o sogro, Rosalvo Ferreira da Costa, de 60 | FOTO: Reprodução/TV Bahia |

Ainda no hospital da Chapada, familiares que também acompanhavam a situação e o estado de saúde das pessoas informaram que pelo menos cinco das vítimas passaram por cirurgia. Uma das pessoas que está internada no Hospital Geral do Estado (HGE) é uma jovem de 28 anos, que viajou com os dois filhos, de 11 e 5 anos. Ela sofreu traumatismo craniano e está em estado grave. O menino de 5 anos também está no HGE, mas o estado de saúde dele é normal e, conforme familiares, ele só teve arranhões. A menina de 11 anos sofreu uma pancada na cabeça e está com dores nos olhos. Ela está no hospital em Seabra.

Passageiros sem cinto
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que muitos passageiros do micro-ônibus atingido pela carreta, em Seabra, estavam sem o cinto de segurança. Segundo Glauber Nunes, inspetor da PRF, a falta do acessório pode ter agravado a situação das vítimas, já que muitas delas foram lançadas para fora do veículo. “Uma situação que acaba se verificando, que tornou ainda mais trágico [o acidente], potencializando o quadro das vítimas, é que muitas estavam sem o cinto de segurança. No atendimento ao local, várias pessoas foram ejetadas do veículo. Verificamos isso, é provável não uso do cinto de segurança”, pontuou o inspetor.

Segundo Glauber Nunes, inspetor da PRF, a falta do cinto de segurança pode ter contribuído com o estado de saúde das vítimas | FOTO: Reprodução/TV Bahia |

Pessoas que trabalham na região onde o acidente aconteceu contaram que o caminhão envolvido na tragédia buzinou há uma certa distância, na descida de uma ladeira. Os trabalhadores acreditam que foi para avisar que o veículo estava sem freio. A polícia disse, no entanto, que as causas do acidente só poderão ser apontadas quando a perícia for concluída. Uma pessoa morreu na hora e outras cinco morreram no hospital, em Seabra. Entre os 26 feridos estão os motoristas da carreta e do micro-ônibus.

Testemunhas contaram ainda que, após perder os freios, a carreta colidiu com o micro-ônibus onde as vítimas estavam, bateu em um veículo que estava estacionado, derrubou uma árvore e, de cabeça para baixo, seguiu se arrastando. O veículo tinha um carregamento de farelo de milho, que ficou espalhado pela pista. Jornal da Chapada com informações do G1 e BATV.

Leia também

Chapada: Passageiros de micro-ônibus vítimas de acidente em Seabra eram integrantes da mesma família

Chapada: Vítimas fatais de acidente em Seabra são identificadas; selfie dentro de micro-ônibus viraliza

Chapada: SSP informa que polícias Militar, Civil e Técnica atuam em Seabra devido a grave acidente

Chapada: Grave acidente na região de Seabra mobiliza Hemoba de Itaberaba; saiba como doar sangue

Chapada: Acidente grave entre caminhão e micro-ônibus deixa mortos na BR-242 em Seabra

Fotos

Este slideshow necessita de JavaScript.

Veja vídeos
Vídeo 1

Vídeo 2

Vídeo 3

Vídeo 4

Vídeo 5

Vídeo 6

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

2 Comentários Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.